A nova tendência dos uniformes escolares “fashion” no Japão!

Uniformes escolares japoneses fashion

Frequentar uma escola japonesa e vestir um daqueles uniformes, faz parte do imaginário de muita gente, especialmente por apreciadores de mangá e anime shoujo. No entanto, embora os uniformes ilustrados nesses mangas e animes se inspirem nos uniformes escolares japoneses da vida real, geralmente não são tão atraentes quanto vemos nos animes e mangás.

Mas parece que essa realidade pode mudar. Mais e mais escolas estão aderindo a uma nova tendência onde o uniforme escolar estão sendo inspirados em mangás e animes. Um exemplo é a Kyoto Kogakuin, uma escola pública inaugurada em abril de 2016 em Kyoto, cujo uniforme foi inspirado no popular mangá shoujo “Taihen Yoku Dekimashita” (たいへんよくできました).

O objetivo é claro: atrair estudantes (especialmente do sexo feminino) para se matricularem na escola. Esses uniformes foram projetados pelo próprio Zakuri Sato, autor de “Taihen Yoku Dekimashita” e “Otona Pink”. Como podemos imaginar, nem todas as escolas japonesas tem um uniforme estilizado e esse parece ser um grande diferencial de Kyoto Kogakuin.

O mangaká Zakuri Sato projetou os uniformes com base nas opiniões de estudantes do ginásio e ensino médio, e também contou com o apoio do conselho municipal de educação.

O ensino médio é um momento especial na vida da maioria dos estudantes. Neste período, a socialização torna-se ainda mais intensa. Nesse período também é normal as meninas sentirem mais vaidade e desejar um uniforme (Seifuku) no qual sintam-se bem e tenham orgulho.

Kyoto Kogakuin, situado em Kyoto, nasceu de uma fusão de duas escolas do ensino médio cujo foco é engenharia. Por este motivo, 90% dos estudantes que estudam lá são do sexo masculino. Com o novo design do uniforme, a escola espera atrair mais estudantes do sexo feminino e suavizar a imagem de que engenharia é exclusivo para homens.

“Agora, é comum que as mulheres desempenhem papéis importantes nas áreas da ciência e da engenharia. Queríamos quebrar esse estereótipo, atraindo meninas para estudar na nossa escola de engenharia e “, disse um funcionário do conselho municipal de educação.

Outro exemplo é a escola chamada Futaba Future School, inaugurada em abril de 2015. A escola está localizada a 30 km da usina nuclear de Fukushima Daiichi, província de Fukushima, e também introduziu uniformes projetados pelo figurinista do popular grupo idol AKB48.

“Como é uma escola situada em uma zona de desastre, queríamos respeitar os sentimentos de nossos alunos e tentamos fazer uniformes escolares que dessem esperança a eles”. disse um funcionário da escola, acrescentando que os uniformes representarão um símbolo de renovação dessa área que foi tragicamente afetada pelo terremoto e tsunami de 2011.

Toshinori Harada, um gerente sênior do fabricante de uniforme escolar Kanko Gakuseifuku, disse que os uniformes da “moda” estão se tornando populares graças também aos grupos idols que empregam uniformes de tipo escolar similares em suas apresentações. Nos últimos anos, o número de escolas que escolhem introduzir uniformes modernos cresceu, disse Harada.

Sakura Gakuin (Academia da Flor de Cerejeira) é outro grupo idol que usa uniformes escolares em suas apresentações. Já o grupo Keyakizaka46 tem seu próprio estilo de uniforme mas ainda inspirado nos uniformes militares, assim como o seu irmão idol mais novo, Nogizaka46.

O charme dos uniformes escolares é, de fato inegável. Muitos grupos idols se apegam a essa característica com o intuito de mostrar que o seifuku é eterno e atemporal; É como se esse traje lhes trouxesse o frescor, a energia e a alegria predominante nos jovens estudantes!

O AKB48 é, sem dúvidas nenhuma, o líder em roupas com estilo uniforme escolar. Isso pode ser comprovado desde o primeiro single “Sakura no Hanabiratachi”, quando as 20 integrantes usaram um criativo uniforme que incluía babados, gravatas e saias xadrez cor de rosa.

Desde então, o grupo criou mais de 1000 projetos diferentes ao longo de uma década. Todos foram documentados em um livro intitulado “After School Closet” – lançado em março de 2017. A coleção detalha tudo, desde o conceito de design de cada roupa até o material usado.

De acordo com uma pesquisa anual realizado pela Kanko Gakuseifuku, as escolas desejam um uniforme onde a originalidade possa refletir o verdadeiro espírito da escola, enquanto que os alunos desejam uniformes com designs mais arrojados. “Queremos oferecer projetos que satisfaçam tanto as organizações escolares quanto os estudantes”, disse Harada.

O processo de modernização dos uniformes escolares não é novo no Japão. No início da década de 1990, a Regal Corporation e a Associação de Pais e Professores formaram um comitê para modernizar uniformes escolares em escolas públicas e privadas.

Para esse fim, foi criado o grupo Seifuku Koujou Iinkai, uma organização artística idol cuja missão é promover o processo de modernização dos uniformes escolares japoneses, assim como propor novos design e modelos para as novas gerações de estudantes.

O grupo ídol, cujos trajes artísticos são adequadamente uniformes escolares, ainda é ativo na cena musical com uma abordagem subversiva e pacifista, cujas músicas se opõem à guerra, às usinas nucleares e às políticas imperialistas pró-guerra do regime Shinzo Abe.

O estilo Sailor Fuku (uniforme de marinheiro) é considerado o uniforme tradicional da maioria das escolas e seu reinado está longe de ser usurpado pelas novas tendências. No entanto, é interessante ver que algumas escolas mais inovadoras estão buscando um pouco de inspiração na cultura pop do país e oferecendo opções mais contemporâneas aos seus alunos.

E aí? O que você achou das novas tendências dos uniformes japoneses? Prefere os estilos mais tradicionais ou os mais modernos? Aproveite para conferir abaixo os clipes “Sensou to Heiwa” (Guerra e Paz) e “Da~tsu! Da~tsu!” do grupo idol Seifuku Koujou Iinkai:


Link do vídeo (YouTube)


Link do vídeo (YouTube)

Fontes: yumeki.org, jpninfo.com, tokyogirlsupdate.com

Quer Aprender Japonês?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *