Conhecendo os nomes dos pandas que vivem no Japão!

Panda Shin Shin

O focinho curto lembrando um urso de pelúcia, a pelagem preta e branca característica e o jeito pacífico e bonachão o tornam um dos animais mais queridos pela humanidade.

Em 12 de junho de 2017, uma filhote panda nasceu no zoológico de Ueno, em Tóquio. Esse acontecimento ganhou muitas manchetes nas mídias japonesas. Trata-se do primeiro nascimento bem sucedido de um panda no zoológico em 24 anos. Em 2012, Shin Shin chegou a dar a luz a um filhote, mas o bebê morreu de pneumonia, seis dias após o nascimento.

Os pandas nascem cor-de-rosa, sem pelos e pesando cerca de 100 gramas (três onças e meia). São tão pequenos que podem caber na palma de uma mão. Adultos, eles podem chegar a 1.50 metros de altura e pesar 160 kg. Tempos atrás, foi considerada uma espécie em extinção, mas hoje estima-se que há cerca de 2.000 pandas vivendo na China, sua terra de origem.

O nascimento do mais novo membro da família panda do Ueno Zoo foi muito celebrada no Japão. No vídeo abaixo, publicado pelo portal The Japan Times podemos ver a filhote fêmea aos dois meses de idade rastejando e brincando com sua mãe, Shin Shin.


Link do vídeo (youTube)

O critério para escolher nomes de Pandas no Japão

panda shan shan

Logo após o nascimento, Ueno Zoo, pediu para o público enviar sugestões para o nome da filhote. Segundo o zoo, 322.581 sugestões de nomes foram recebidas. Cada participante poderia escolher apenas um nome. O nome escolhido foi sugerido 5,161 vezes e anunciado no dia 25 de setembro: Shan Shan (em japonês) ou Xiang Xiang (em chinês).

A mãe de Shan Shan chama-se Shin Shin e o pai Ri Ri. Como percebemos, existe um padrão de repetição na hora de nomear pandas no Japão. O kanji para “Shin Shin” é 真真 (ideograma que significa “verdadeiro”). Já o kanji para “Ri Ri” é 力力 (“força”), e deriva da leitura chinesa li.

O filhote agora chama-se Shan Shan, cujo kanji é 香香 (“fragrância”). O nome foi escolhido seguindo um critério que se enquadra em uma área cinzenta entre as duas línguas. Seria como uma homenagem, uma vez que os pandas gigantes são originários da China.

Pandas no JapãoShin Shin e seu parceiro, Ri Ri, chegaram da China em fevereiro de 2011

Mas por que usa-se caracteres chineses repetidos?

Isso também vem do chinês. Isso faz com que o nome pareça fofo, assim como o sufixo – chan faz em japonês. O nome duplo em pandas tem sido um padrão no Ueno Zoo desde que os pandas Kang Kang e Lan Lan chegaram em 1972. A prática também é seguida no Kobe Ōji Zoo, com sua panda fêmea Tan Tan 旦旦 (“alvorecer”), trazida da China no ano de 2000.

A capital do panda no Japão, no entanto, é considerado o Adventure World em Shirahama, província de Wakayama. Possui cinco destes animais adoráveis ​​e cada um deles possui seu próprio nome personalizado. Todos os filhotes nascidos lá têm nomes que terminam em hin, com base em uma leitura alternativa para o ideograma 浜 (“hama” em Shirahama).


Link do vídeo (YouTube)

Eimei, nascido na China, é acompanhado pela fêmea Rauhin e seus filhotes, os gêmeos Ōhin e Thhin e o pequeno Yuihin, que recentemente celebrou seu primeiro aniversário.

Antes de escolher o nome de Shan Shan, o Ueno Zoo recebeu diversas sugestões do público. No dia seguinte ao nascimento do filhote, uma pequena menina entrevistada pela NHK, sugeriu o nome de “Pinku Pintarō”, nome inspirado na aparência rosa da filhote recém nascida.

O nome chamou a atenção por ser realmente criativo, no entanto a tradição falou mais alto e o zoológico de Ueno baseou sua escolha no padrão de repetição que caracteriza outros nomes de pandas no país. Quem sabe um dia, o nome Pinku Pintarō seja eleito, mas não foi dessa vez.

Pode demorar, uma vez que a reprodução de pandas é complexa. Somente 10% dos pandas em cativeiro conseguem acasalar naturalmente. Apenas 30% das fêmeas engravidam. Os pandas tem geralmente de um a dois filhotes por gestação. Mais de 60% dos pandas cativos não demonstram interesse sexual. Em cativeiro, um panda pode viver cerca de 30 anos.

Fontes: nippon.com, wikipedia.org, japantimes.co.jp

Quer Aprender Japonês?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *