Entendendo os gestos japoneses – Parte 2

dogeza

Se você viu a matéria “Entendendo os gestos japoneses”, percebeu que no Japão há muitos gestos diferentes dos que tem no Brasil e vice versa. Ou seja, na hora de usar a linguagem não verbal para se comunicar, todo cuidado é pouco pois podemos sem querer fazer um gesto que pode ser mal interpretado no Japão.

E o mesmo acontece no caso de um japonês fazer um gesto que pode ser entendido como ofensa ou algo obsceno. Procure primeiramente descobrir o significado de tais gestos para não fazer um julgamento precipitado. Outra coisa a se observar no Japão é que muitos gestos estão relacionados à educação e boas maneiras entre as pessoas.

Por exemplo, em relação aos cumprimentos, no Japão não se usa apertos de mãos ou tapinhas nas costas como vemos no Brasil. E quando nos é apresentado uma pessoa também não se costuma beijar cada lado do rosto. Normalmente no Japão, o comportamento entre as pessoas é bem mais formal do que no Brasil e outros países e estes tipos de contato físico não são bem vistos no Japão.

Desvendando alguns gestos japoneses

Ojigi – Curvando-se

Gestos japoneses - Ojiji

Acredito que todos já conheçam o Ojiji, um cumprimento habitual japonês. Trata-se de uma saudação onde ambas as pessoas se curvam em frente a outra. Este gesto indica o grau de respeito ou gratidão que se sente pela pessoa. Quanto maior o grau, maior a curvatura. O Ojigi seria o equivalente ao aperto de mão no Ocidente.

Dogeza – Ajoelhando-se no chão 

Gestos japoneses - Dogeza - Ajoelhando-se no chão

Este gesto em que a pessoa se ajoelha em frente à outra, com as duas palmas das mãos no chão se chama “Dogeza” (Ajoelhando-se até o chão). É uma forma de expressar submissão ou um pedido de perdão por causa de uma falta muito grave.

Seiza e agura – Formas de sentar

Gestos japoneses - Seiza e Agura

Como sabemos, tradicionalmente os japoneses costumam sentar-se no chão, ou melhor dizendo, sobre o tatami. Essas duas maneiras de sentar-se: “Seiza” (Sentado em linha reta) e “Agura” (Sentado na posição indiana) são muito populares no Japão, mesmo nos dias de hoje, apesar de toda influência ocidental que o país vem sofrendo ao longo das décadas.

Bye Bye – Dando tchau

Gestos japoneses - Bye Bye - Tchau

Não tenho certeza, mas suponho que o gesto de dar tchau, tenha sido importado do ocidente, pois é semelhante ao que usamos. O gesto é seguido da expressão “bye-bye!“, “sayonara!” ou “mata né!”.

Anata – Você


Para se referir à pessoa com quem está conversando os japoneses costumam apontar para a pessoa com mão aberta e a palma virada para cima, diferente de nós que costumamos apontar com o dedo indicador.

Kazoe Kata – Contagem de números

Gestos japoneses - Kazoe Kata

Esse gesto usando os dedos das mãos serve para contar ou numerar (Kazoe Kata). Depois de contar usando uma das mãos, sobrepõe-se a outra mão na palma da outra para continuar a contagem, conforme mostra a figura.

Outra maneira peculiar de contar

Sinais não verbais no Japão - Contando 1

Outra forma de contar é começando com os dedos abertos e ir fechando um de cada vez, começando pelo polegar e terminando com o dedo mindinho como mostra a figura. Pra continuar a contagem, basta abrir os dedos um de cada vez até que a mão fique aberta novamente e assim sucessivamente.

Yubi kiri – Promessa

Gestos japoneses - Yubi Kiri

Quando duas pessoas juntam seus dedos mindinhos como mostra a figura, indica que estão fazendo uma promessa. Embora pareça ser um gesto infantil, ele é usado frequentemente pelos jovens e até adultos. Geralmente o gesto é acompanhado por uma musiquinha chamada “Yubi kiri genman“, cuja letra diz que “se você não cumprir a promessa, será espetado por 1000 agulhas”.

Sono hanashi wa oitoite – Vamos deixar esse assunto de lado

Gestos japoneses - Sono hanashi wa oitoite - Vamos colocar esse assunto de lado

O gesto acima dá a impressão que a pessoa tira uma caixa que está em sua frente e a coloca de lado. Este gesto quer dizer “Sono Hanashi Oitoite” que se traduz como: “Vamos colocar esse assunto de lado.”  É um gesto muito usado quando ser quer mudar o rumo ou o tom da conversa.

Wairo – Suborno

Gestos japoneses - Wairo - Suborno

Esse gesto de simular que está colocando dinheiro por dentro do paletó significa “subornar”, ou seja, se refere à alguém que esteja subornando ou recebendo suborno.

Chotto mate kudasai – Espere por favor

Gestos japoneses - Espere um pouco (Chotto Matte)

Este gesto com o braço esticado para frente e a mão na vertical, acompanhado da expressão “Chotto Mate Kudasai” (Espere um pouco por favor).

Manbiki – Furto ou roubo

Gestos japoneses - Manbiki - Furto ou roubo

Este gesto com o dedo indicador se chama “Manbiki” (Furto em lojas). É usado para se referir a alguém que tenha cometido esse ato ilícito em lojas ou Kombini.

Banzai! – Viva!

Gestos japoneses - Banzai!

Esse gesto com os braços esticados pra cima, significa “Banzai” significa Boa Sorte, Fortuna e Felicidade, embora os brasileiros costumam interpretá-lo como “Viva”.

Ohdan Hodoh – Faixa de Pedestres

Gestos japoneses - Faixa de Pedestres

Este gesto com o braço direito levantado é usado por crianças e adultos quando estão na faixa de pedestres e querem atravessar uma rua movimentada.

Jan ken Pon – Pedra, Papel e Tesoura

Gestos japoneses - Jan Ken Pon - Escolher

Esta brincadeira chamada de “Jan ken pon” é conhecida por nós como Papel, Pedra e Tesoura. Embora pareça infantil é muito usado pelos jovens, especialmente quando é necessário fazer uma escolha. Gu (pedra), Choki (tesoura) ou Pa (papel): A pedra derrota tesoura, a tesoura derrota o papel e o papel derrota a pedra.

Sushi

Sinais não verbais - sushi

Esse gesto de colocar o dedo médio e o indicador de uma mão sobre a palma da outra mão, indica que a pessoa está chamando para comer sushi. Ao contrário do que se pensa, o sushi é considerado um tipo de refeição especial, ou seja, não é consumido diariamente por boa parte dos japoneses.

Hana ga Takai – Tengu – Convencido

Gestos japoneses - Hana ga Takai - Convencido

Este gesto caracterizado em colocar as mãos em frente ao rosto com o punho cerrado chama-se Hana ga takai ou Tengu. Serve para se referir a alguém que “tem orgulho de algo” ou “tem confiança em si mesmo.” Quando uma pessoa é chamada de tengu isso significa que ele (a) é convencido ou nariz em pé.

Okama – Gay

Gestos japoneses - Okama - Gay

Esse gesto cuja mão direita encosta na bochecha do lado esquerdo serve para dizer que alguém é Okama, ou seja homossexual. Não é um gesto recomendável de fazer pois pode ser interpretado como gesto ofensivo ou pejorativo.

Yakuza – Máfia japonesa

Gestos japoneses - Mafia Japonesa

Esse gesto que se caracteriza pelo dedo indicador passando em frente a um lado da face serve para se referir à Yakuza (máfia japonesa).

Reikyūsha ga toru – Carro fúnebre passando

Gestos japoneses - Passando por um carro funeral

Esse gesto que se caracteriza pelo polegar escondido dentro da mão ao passar um carro fúnebre trata-se de uma superstição japonesa, como você pode ver aqui.

Kawaii? – Estou / Sou bonita?

Gestos japoneses - Kawaii

Esse gesto de sorrir e apertar as bochechas com os dedos indicadores significa “Kawaii desuka?”  (Estou bonita?). É usado geralmente por jovens e crianças.

Kusai – Cheiro ruim


Bem, acredito que este gesto não tem mistério pra ninguém. Kusai significa fedorento. Serve para indicar que tem um cheiro ruim circundando o ar. Consiste em abanar a mão em frente ao rosto como se estivesse expulsando o fedor.

Atsui – Quente

Gestos japoneses - Atsui

Esse gesto é usado pelos japoneses quando sem querer tocam em algo muito quente (Atsui), como por exemplo em uma panela no fogo. O gesto se caracteriza em pegar o lóbulo da orelha com o polegar e o dedo indicador, pois acredita-se que esta parte do corpo é menos quente do que em relação a outras partes do corpo. Por favor, não pense que este gesto se refere à um par de brincos que você ou alguém perdeu.

Hidari uchiwa – Vida Mansa

Gestos japoneses - Hidari Uchiwa - Vida mansa

Este gesto simula abanar a mão esquerda (Hidari) como se estivesse abanando um leque (uchiwa). Significa que você agora tem uma vida confortável. Também pode significar que você está parabenizando a si mesmo, ou que você é relaxado. Outros significados incluem “Eu sou rico” ou “Eu não tenho que trabalhar”, etc.

Hana – Flor

Gestos japoneses - Hana - Flor

Esse gesto de juntar os punhos e abrir os dedos como se fossem pétalas de flor, significa “hana” (flor). É um gesto usado especialmente por crianças.

Achichi

Gestos japoneses - Achichi - Eles estão se amando

Esse gesto juntando os dois indicadores serve para se referir a um casal. Significa algo como “Eles estão apaixonados”, “Eles estão se amando”.

Warau – Rir

Gestos japoneses - Warau - Rir

Antigamente, só os homens podiam sorrir mostrando os dentes. As mulheres depois que se casavam ainda tinham que seguir um costume bizarro chamado “Ohaguro” na qual seus dentes eram pintados de preto. Por causa disso, as mulheres até hoje tem este hábito de cobrir a boca com a mão quando sorriem.

Obake – Fantasma

Gestos japoneses - Obake - Fantasma

Este gesto com as costas levemente arqueadas e mãos para frente estilo “zumbi é usado pelos japoneses quando querem se referir a um “Obake” (Fantasma).

Nattoku – Eu aprovo / Eu concordo

Gestos japoneses - Nattoku! Eu aprovo

Este gesto de bater com o punho fechado na palma da mão, como um juiz bate o martelo significa que a pessoa está aprovando ou concordando com o que você disse. Há pessoas que fazem este mesmo gesto na coxa ao invés da palma da mão.

Kampai – Brinde

Gestos japoneses - Kampai - Tim Tim

A forma de brindar no Japão, encostando os copos um no outros é igual ao do Brasil e outros países ocidentais. O único problema é a linguagem usada. No Japão, usa-se o termo Kampai (Saúde) para fazer um brinde, enquanto que no Brasil é comum usar a expressão “Tim Tim”. Jamais use esse termo no Japão, pois se refere ao “órgão genital masculino”, embora seja uma expressão mais usada por crianças.

Deu pra notar que existe uma grande diferença entre as linguagens corporais do Japão e do Brasil né?! E é sempre útil aprende-los, embora não seja uma coisa assim que possa ser aprendido da noite para o dia. Na verdade, eu acredito que estes gestos são melhores assimilados durante o contato diário com colegas japoneses.

Bom, mas se você lê mangá ou assiste animes e dramas, com certeza já deve ter visto muitos gestos mostrados aqui. O que eu sei é que aprende-los facilita bastante o convívio com os japoneses, ainda mais se a pessoa não é fluente em japonês. Esperam que tenham gostado das matérias sobre expressões corporais e gestos japoneses.

Fonte de pesquisa: 70 japanese Gestures (70 Gestos Japoneses)

Quer Aprender Japonês?

15 Comentários

  1. Pingback: Entendendo os gestos japoneses | Curiosidades do Japão

  2. PENSAVA Q BANZAI ERA ATACAR

  3. Japão em Foco

    Oi Katsuya!
    Bom, agora você aprendeu o significado de diversos gestos japoneses né!
    Yokatta!!! 😉 Abraços!

  4. Diana Soares

    Nossa amei essa matéria será q teria como ter mais desses gestos ou algo sobre cumprimentos e comportamentos japoneses?

    Obrigada!

  5. Rodrigo

    Muito legal, foi muito útil !
    Obrigado até!

  6. juca

    Não recomendaria a um estrangeiro usar o dedo indicador para apontar alguém no Brasil. É extremamente grosseiro. Para evitar isso, muitos brasileiros também usam a mão inteira, ou apontam com a cabeça.

  7. Japão em Foco

    Oi Juca!
    Obrigada pelo comentário!
    Abraços!

  8. Monique

    Muito legal e de grande utilidade pra mim, já que irei entender melhor meu sogro e sogra 😉 ameeei!

  9. Japão em Foco

    Oi Monique!
    Que bom que você gostou!
    Abraços! 😉

  10. Bikutoria

    Olá, adoro conhecer muitos coisas sobre Japao, eu sou fã dele. Até que gosto animes e mangás também.

    sei alguns gestos pq ja visto anime XD e outros nao sei. mas apenas aprender. estou sendo curiosa pra conhecer sobre isto. Gostei seu site. q faz sucesso <3

  11. Japão em Foco

    Oi Bikutoria!
    Que bom que está gostando! 😉
    Abraços!

  12. Junioor Yami

    😆 muuito legal , comheci o site ontem e estou amando , bom , gostaria de saber se é normal uma coisa : Nao achar uma escola que tenha curso de japones , bom pelo menos pra mim ta dificil , e quero muito aprender porq pretendo morar la , se alguem souber o Site de alguma escola perto de Jundiaí-SP , fico agradecido, ありがとう

  13. Angélica Souza

    Queria muito saber o significado do aperto de mão. Tenho amizade com uma Japonesa, ao conversar com ela em sua lanchonete seu esposo chegou e quando ela me apresentou eu apenas estendi minhas mãos pra comprimenta-lo e todos me olharam como se eu o tivesse feito algo obsceno ou ofensivo. Me senti totalmente constrangida, e acabei rindo da situação mas sem faltar com respeito. No meu ponto de vista, se quando vamos aos Paises vizinhos temos obrigação de se acostumar aos hábitos deles, pq não podem se acostumar com o nosso? Quero muito saber o significado desse gesto!

  14. Tairoru

    Como se conta o número 10?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *