Kanamara Matsuri – Festival da Fertilidade no Japão

Kanamara Festival
Kanamara Matsuri – Festival da Fertilidade no Japão
Há quem ache que o Japão é um país bizarro… Se você ainda tem dúvidas disso, então tem que conhecer um dos Festivais da Fertilidade no Japão. O mais famoso deles é o Kanamara Matsuri (かなまら祭り), um festival que ocorre no primeiro domingo de abril, em Kawasaki na província de Kanagawa, com direito a roupas e músicas típicas, danças, altares enfeitados e pasmem… uma escultura fálica gigante.

A escultura que tem cerca de 2,5 mt de altura e pesa 280 quilos, é colocada sobre um altar e transportada em ombros até ao túmulo da Tagata Shinto, que fica no templo da deusa Takeinadane-mikoto, deusa da fertilidade. Centenas de pessoas passam pelo festival, incluindo muitos estrangeiros curiosos que vão até lá dar uma espiadinha.

*Kanamara Matsuri

Qual a origem deste festival tão inusitado?

Dizem que tudo começou na Era Edo (1604-1868), por causa das prostitutas que faziam orações, pedindo prosperidade nos negócios e proteção das doenças sexualmente transmissíveis. Com o tempo, a celebração passou a atrair também visitantes que rezavam por filhos saudáveis e harmonia no casamento.
Mas ficou famoso na década de 70, quando uma boate gay doou um andor com um pênis gigante cor-de-rosa, que virou ícone do evento. O festival é realizado desde o século 17 e é também chamado de Festival do Falo de Aço.
Fonte: Wikipédia.

Kanamara Festival

O desfile começa por volta das 11 horas da manhã e termina no Templo Kawasaki Daisha. No templo, há vários totens xintoístas em forma de pênis, esculpidos em pedra, ferro e madeira. É ali que as mulheres colocam plaquinhas de agradecimentos pelos pedidos atendidos ou com desejos como ter filhos ou uma gravidez tranquila.
Há uma série de outras atividades excêntricas e eventos que se estendem até o final da tarde.

Uma delas é um leilão bastante inusitado, onde nabos (Daikon) são esculpidos no formato fálico e leiloados. Também tem várias lembrancinhas e alimentos para comprar como pirulitos, sorvetes e tudo que se possa imaginar em forma de pênis. Parte do dinheiro arrecadado é usado para ajudar nas pesquisas sobre HIV e na conscientização sobre doenças sexualmente transmissíveis.

Kanamara matsuri

No Japão, há outros festivais da fertilidade, além do Kanamara Matsuri como o Hime no Miya e Hounen Matsuri, celebrado todos os anos durante o mês de março em duas cidades japonesas da província de Aichi: O Hime no Miya ocorre em Inuyama no dia 14 e o Hounen Matsuri é realizado em Nagoya no dia 15.

Só no Japão mesmo para venerar uma escultura de pênis gigante cor-de-rosa e de outras cores que estão espalhadas no Matsuri e nos templos. Enquanto os japas idolatram o dito – cujo e pedem por fertilidade, para os turistas estrangeiros (e não são poucos) que vão conhecer o Festival, é diversão garantida hehe :).

Assista o vídeo da Festa da Fertilidade:

Quer Aprender Japonês?

21 Comentários

  1. festinha átipica essa…

  2. mila

    essa foi a coisa +++++++++++++ estranha q eu ja vi sobre o japão OO’

    agora sim eles merecem o titulo de “terra da bizarrice”

  3. Pingback: Amor está no ar: rituais de fertilidade, festivais de namoro e festas de colheita | be2 - falando de amor

  4. tsutomu

    bem loko!!!!!rs

  5. Beatriz

    Adorei isso,mais não intendi essa estatua,do que ela é ?

  6. Aiko Hayashi

    ADOGOOOOOO eu já fui nesse festival eu vi um cara chupando o pirulito de penis eu, minhas amigas e meus 2 irmãos ficamos encarando ele, ele olhou e deu tchau e saio andando na multidao rsrs’ … mais é muito legal esse evento! Mila não gostei do seu comentario ‘–‘ você já parou pra perceber quanta coisa entranha o brasil tem também? não precisa ficar chingando agente ‘–‘!! oks? 🙂

  7. beto

    morei no japao a cultura e fantastica bem melhor q aqui no brasil q se vota em bandidos

  8. Pingback: Hime no Miya e Hounen Matsuri, festivais da Fertilidade | Curiosidades do Japão

  9. Marisa Kubota

    sou apaixonada pelos festivais da minha terrinha do kokoro…ms essa jah tinha ouvido falar…ms aonde eh realizado o festival…em qual cidade ??? a data confere mas o lugar que eu queria saber pra poder conferir e me divertir muito la…quem puder passa jah agradeco…bj

  10. Caroline

    Pode parecer estranho, mas quando se sabe da história por trás deste festival ele se torna muito belo.
    Dizem que na época estava havendo um surto muito grande de doenças venéreas, por isso as prostitutas foram orar no templo. Quando passou o surto, todos foram agradecer, até mesmo porque o vilarejo estaria condenado se as doenças não acabassem.
    Os leigos certamente encaram de maneira estranha, mas trata-se do órgão reprodutor masculino, que é responsável por fecundar a mulher e dar vida a outro ser.

  11. Risa Anshieta

    😯
    Os escritores desse site não deixam passar nada 😳 . Continuem assim 😀 !

  12. Estranho é brasileiro que ve o governo roubando adoidado e ninguém se move para derrubar esses canalhas.

    Estranho é Brasileiro se preocupar mais com Futebol, Novela e BBB enquanto milhares de coitados a espera de atendimento em corredores de hospitais, crianças sem merenda nas escolas porque o governo mete a mão no dinheiro publico e aumenta seus salários em mais de 100% E NINGUEM SE MOBILIZA .
    Estranho é brasileiro ouvir FUNK, a mulherada mostra como são vadias e depois acham um desaforo a imagem que os gringos tem das mulheres brasileiras!

    ISSO SIM É UM POVO ESTRANHO.

  13. Japão em Foco

    Oi pessoal!
    Obrigada pelo comentário de todos!
    E pra quem encarar esse festival de maneira deturpada, faço minha as palavras do Marcio. Enquanto as pessoas se escandalizam com a cultura de outros países como o Japão, que com toda a sua singularidade sabem apreciar de forma civilizada um festival deste aspecto, deviam mesmo é se preocupar com os problemas sociais e econômicos que o Brasil enfrenta por culpa dos POLÍTICOS e também do POVO que os coloca no poder. O festival é inusitado sim, mas de forma alguma depreciativa. Abraços à todos! 🙂

  14. Douglas

    Passaria o festival todo rindo e comendo coisas em formas de pipi kkkkk
    Abraços!

  15. Japão em Foco

    Oi Douglas!
    Infelizmente não conheci esse festival de perto… mas se tivesse tido a oportunidade, com certeza teria ido… acho que eu teria um ataque de riso, mesmo no fundo sabendo que é um festival normal para os japoneses, sem a malícia que estamos acostumados a ter hehehe 🙂 Abraços!

  16. Pingback: Superstições Japonesas | Curiosidades do Japão

  17. Pingback: 40 motivos para amar o Japao (3° parte) | Curiosidades do Japão

  18. eu acho este festival um abisurdo uma falta de respeito te parese ke mulheres depende so diso pra gerar um bebe se nao for da vontadi de deus nao adianta nada

  19. Crisley

    Eu tenho apenas 13 anos e acho que o Japão a maioria e gente impia e pra mim isso e abominável 😯 insensatos

  20. Crisley

    Eu tenho apenas 13 anos e acho isso abominável só podia ser coisa de ímpios 😯

  21. Fellipe

    “mimimimi falta de respeito, insensatos” No Brasil acontece coisa muito pior, no Carnaval é cheio de mulheres semi-nuas todo ano e ninguém fala nada. E ainda por cima vi que em um dos Carnavais, tinham pessoas mantendo relações sexuais no MEIO DA RUA e ainda á luz do dia. Depois o Japão que é bizarro, sinceramente? Prefiro a bizarrice deles, pelo menos eles tem uma organização extrema e te garanto que não acontece esses absurdos que nem aqui no Brasil, PENSEM ANTES DE COMENTAR BOBAGEM! Enfim…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *