Osechi Ryori – A Primeira Refeição do Ano

O significado por trás do Osechi Ryori
O Ano Novo é uma data muito especial para as famílias japonesas. Na verdade, o Ano Novo japonês compreende os três primeiros dias, chamados de Sanganichi. Segundo a tradição, não se pode cozinhar nada durante esses dias, por isso as famílias consomem bentôs especiais chamados de “Osechi Ryori” (御節).

A tradição do Osechi Ryori teve início no período Heian (794-1185) tornando-se uma comida típica do Oshougatsu no Japão. Os alimentos são colocados artisticamente em uma caixa de madeira laqueada e decorada chamada Jubako. Como não pode cozinhar nada no Ano Novo, toda a preparação é feita na véspera do Ano Novo.

Mas eles também são vendidos em lojas de departamentos especializados e com a correria do dia a dia, muitos optam em compra-los prontos para o consumo. Os preços podem variar muito, mas custam em média Y10,000 (com a quantidade suficiente para alimentar uma família por pelo menos três dias).

Mas existem alguns caríssimos, feitos por chefs famosos. Estes podem custar, duas ou três vezes mais. Uma coisa a se notar no Osechi é que a apresentação é muito importante. O equilíbrio entre o sabor, aroma, cores e a delicadeza de como cada alimento é embalado, faz dessa refeição, uma verdadeira arte.

Os alimentos presentes no Osechi Ryori são basicamente os mesmos em todo o Japão, com sutis diferenças regionais que são refletidas na doçura, salinidade, aroma, etc. E boa parte dos alimentos são secos ou contem uma grande quantidade de açúcar ou vinagre para que possam durar por alguns dias.

Osechi Ryori – A Primeira Refeição do Ano

O Osechi Ryori é sem dúvida a refeição mais importante do ano e como tudo no Japão, essa refeição é carregada de simbolismo. Até a forma de degustá-lo é feito de maneira especial, já que são usados hashi com extremidades arredondadas. E cada alimento traz um significado diferente.

Que tal conhecermos o significado dos principais alimentos presentes no Osechi Ryori, a primeira refeição do ano de um japonês? 😉

1. Kuromame (soja preto)
Simboliza boa saúde.

2. Kazunoko (ovas de arenque)
Simboliza fertilidade e prosperidade.

3. Tazukuri (anchovas secas)
Simboliza fartura.

4. Goubo (raiz de bardana)
Simboliza saúde e prosperidade.

5. Datemaki (omelete doc com pastae de peixe ou camarão)
Simboliza sabedoria e sucesso acadêmico.

6. Kouhaku kamaboko (bolo de peixe japonês)
Simboliza sorte e pureza.

7. Kuri Kinton (purê de batata doce e castanhas)
Simboliza fortuna e prosperidade.

8. Yakizakana (peixe grelhado)
Simboliza sucesso e riqueza.

9. Ebi (Camarão)
Simboliza longevidade e renovação da vida.

10. Subasu (raiz de lótus)
Simboliza as expectativas sobre o futuro.

11. Kouhaku namasu (conserva de daikon e cenoura)
Simboliza um bom presságio.

12. Nishiki tamago (Ovo cozido a vapor)
Simboliza riqueza.

13. Surume (lula seca)
Simboliza festa, celebração.

14. Konbu Maki (arenque seca envolto em alga)
Simboliza felicidade e sabedoria.

15. Satoimo (inhame)
Simboliza uma oração para as crianças.

16. Kuwai (raiz da planta Sagittaria)
Simboliza uma carreira de sucesso.

17. Otafuku mame (feijão largo)
Simboliza fortuna.

18. Hoshigaki (Caqui seco)
Simboliza vida longa

19. Takenoko (broto de bambu)
Simboliza fertilidade e prosperidade.

20. Daidai (laranja japonesa amarga)
Simboliza fertilidade.

Quero desejar à vocês, um Feliz Ano Novo!!!
明けまし て おめでとうございます!!!
Akemashite Omedeto Gosaimasu!
Nos vemos no Ano que vem!!! 🙂

Quer Aprender Japonês?

1 Comentário

  1. Karina

    Adorei o artigo, muito legal saber cada alimento e o que representam para os japoneses, alguns da lista eu já comi como a conserva de daikon com cenoura (delícia), outros eu já vi representados em animes ou doramas como a lula e o caqui seco.
    Artigo muito instrutivo! Feliz Ano Novo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *