Programa de Convite ao Japão para os Descendentes de Japoneses das Américas Central e do Sul

japao-passaporte

Confira os requisitos e outras informações para se inscrever no Programa de Convite ao Japão para os Descendentes de Japoneses das Américas Central e do Sul

O governo japonês oferece o programa de visita ao Japão para descendentes de japoneses com o objetivo de aumentar a compreensão sobre a atualidade do Japão e as políticas do país.

Os participantes do programa deverão se comprometer em divulgar eficazmente os aspectos da atualidade, assim como a política do país em suas respectivas comunidades após o retorno.

1. Requisitos

Ser descendente de japoneses;
Ter experiência profissional ou voluntária em áreas relacionadas à Mídia ou Comunicação e que tenham disposição e vontade de divulgar ativamente o Japão após o retorno por meio de blogs ou redes sociais;
Ter nível de conhecimento de língua inglesa suficiente para discussões e trocas de ideias (todas as atividades oficiais relacionadas ao programa no Japão serão realizadas em inglês);
Comprometer-se em organizar e realizar divulgações sobre o programa dentro de um prazo de 3 meses após o retorno ao Brasil de forma independente.

2. Detalhes do Programa

Período de estadia no Japão: de 10 a 18 de setembro de 2017;
Número total de participantes: 10 pessoas da América do Sul e Central;

3. Período de Inscrição

4 de julho (terça-feira) a 16 de julho (domingo) de 2017.

Os documentos devem ser enviados por e-mail ao Setor de Assuntos Políticos e Gerais deste Consulado Geral até o dia 16 de julho (domingo): cgjpolitica3@sp.mofa.go.jp

Os documentos necessários para a inscrição e maiores informações poderão ser acessados pelo site do Consulado Geral do Japão em São Paulo:
http://www.sp.br.emb-japan.go.jp/

Quer Aprender Japonês?

3 Comentários

  1. YamiryuuZero

    1. Requisitos
    ➊ Ser descendente de japoneses;

    Eu falo japonês quase fluentemente, estudo história japonesa há mais de uma década, trabalho ensinando japonês para estrangeiros e português e inglês para japoneses, além de ter participado de concursos de oratória em japonês e trabalhado com traduções de vídeos e textos.

    Aí vem o governo japonês e dá passagem livre pro nikkei que não fala uma palavra de japonês, enquanto eu me mato de trabalhar pra conseguir pagar meus estudos no japão sem resultados só porque eu não sou descendente!

    O governo japonês precisa mudar essa posição sobre só realizar programas para descendentes. Ainda mais com a baixa taxa de natalidade no país, conseguir pessoas de fora que queiram trabalhar e/ou estudar no Japão, sem discriminação por ascendência, poderia ajudar o país a se manter economicamente! Conheço tantos não-nikkeis que querem aprender o idioma e estudar no Japão, enquanto vários nikkeis da minha cidade se enfurecem quando alguém tenta conversar em japonês com eles!

  2. Nondemiro

    Desconhecia este tipo de programa destinado aos descendentes. O que eu conheço é o bolsas MEXT (do Ministério da Educação, Cultura, Esportes, Ciência e Tecnologia do Japão) que não faz essa distinção.
    http://www.studyjapan.go.jp/en/toj/toj0302e.html

  3. YamiryuuZero

    Eu já tentei ir pelos programas MEXT e JET também, mas há restrições de idade ou quais matérias você pode estudar no Japão. E nenhum desses programas cai na carreira que eu escolhi seguir.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *