Regras para quem anda de bicicleta no Japão

regras para quem anda de bicicleta no Japão

Conheça as Principais Regras para Ciclistas no Japão

Como sabemos, aCultura da Bicicletaé algo muito evidente em terras nipônicas. Tão evidente que percebemos que se trata muito mais do que apenas um hábito cultural ou sustentável. Andar de bicicleta se tornou essencial na sociedade japonesa e desde que se tem notícias, utilizar a bicicleta como um dos principais meios de transporte faz parte do estilo de vida do povo japonês em geral.

E por causa do grande número de bicicletas rodando pelas ruas japonesas, o governo passou a adotar medidas, leis e regras que visam a segurança dos ciclistas, pedestres e condutores de veículos no Japão. Muitos acidentes de trânsito ocorrem envolvendo ciclistas e portanto é importante obedecer as normas e leis de trânsito.

As bicicletas no Japão são tratadas pelas autoridades japonesas como qualquer outro veículo e o condutor da bicicleta será responsável civil e criminalmente pelos acidentes que causar, especialmente se carretar danos e vítimas.

Andar de bicicleta no Japão

Registrando a bicicleta na delegacia

É de praxe registrar a bike em uma delegacia ou Koban da cidade onde mora. O número de registro anti-roubo “Jitensha Bouhan Toroku” ficará gravado em um pequeno adesivo amarelo que deve ser colado na bicicleta. Assim ficará bem mais fácil identificar a bicicleta, caso ela seja roubada. Muitos, porém deixam de registrar para não ter que pagar uma pequena taxa de ¥ 500 (cerca de 10 reais).

Mas é recomendável faze-lo pois no Japão não é incomum roubos de bicicleta e com o número de registro é muito mais fácil dar a queixa e consequentemente encontrar a bicicleta roubada. A maioria dos roubos acontece em estacionamentos de bicicletas em estações de trem. Como não se pode levar a bicicleta no trem, muitos acabam surrupiando bicicletas alheias quando descem na estação de destino.

Em alguns casos, os “ladrões” usam a bike apenas temporariamente e depois a devolvem no mesmo lugar onde pegaram. Em outros casos, largam em qualquer local quando não precisam mais, ou então acabam ficando com a bicicleta furtada. Por isso é interessante registrar a bicicleta assim que você obter uma ou compra-la na loja.

Bouhan-Toroku Registro de Segurança para bicicletas

Bouhan-Toroku Registro de Segurança para bicicletas

Tudo junto e misturado ou cada um no seu quadrado?

No Japão, existem várias “diretrizes” para os ciclistas e uma vez que são quebradas, o usuário é passível de multa e até prisão. Na maioria dos casos, pedestres e ciclistas compartilham o mesmo espaço e quando não há calçada ou quando essa é muito estreita, é comum vermos bicicletas, carros e pedestres circulando nas ruas.

O número de ciclovias no Japão é bastante restrito por falta de espaço, portanto é necessário ser muito paciente e tolerante no trânsito, afim de evitar acidentes. E mesmo com todo o cuidado, eles eventualmente acontecem, especialmente por aqueles que infringem as leis e as regras de trânsito. E o pior é que são muitos!

Andar de bicicleta no Japão

No Japão, os ciclistas andam nas calçadas somente se houver sinalização e faixa para ciclistas. Caso contrário devem andar na rua, juntamente com os carros e outros veículos, porém sempre à esquerda.

🙂 😀 😛
Além dos ciclistas que não respeitam as regras, também é comum os policiais fazerem vista grossa diante das infrações. Em todo caso, é melhor seguir as normas, especialmente se você quer evitar futuras dores de cabeça, dores no bolso $$$$ e o mais importante: evitar acidentes que podem acabar sendo fatais (Em 2010, 658 pessoas morreram no Japão, devido a acidentes envolvendo bicicletas).

Esse conjunto de regras e leis foram feitas para ajudar na segurança de todos (pedestres, condutores e ciclistas). Veja abaixo algumas das principais regras. Caso saiba de alguma regra ou lei que não conste aqui, nos comunique:

Regras e leis para ciclistas no Japão
* Registro da bicicleta na delegacia
Bicicletas devem ser registrados em nome do proprietário na delegacia de polícia ou Koban da província em que reside.

* Uso de capacete em crianças
Crianças menores de 13 anos são obrigadas a andar com capacete.

* Crianças devem ir na cadeirinha
Crianças até 6 anos de idade podem ir na cadeirinha traseira, enquanto que na cadeirinha da frente é permitido apenas crianças até 2 anos.

* Não levar ninguém na garupa
É proibido dar carona a alguém (que não seja criança é claro) em sua bicicleta. Se a polícia ver pode lhe dar uma multa de ¥ 20.000 (cerca de 400 reais).

* Obedecer as regras de sinalização para ciclistas
É proibido andar de bicicleta nas calçadas, exceto se esta tiver placas ou sinalização indicando a permissão.

* Não usar guarda-chuva enquanto anda de bicicleta
Deve-se usar capas de chuva para se proteger da chuva ou neve. Caso desobedeça a lei, você pode ganhar uma multa de ¥ 50.000 ou até obter 3 meses de prisão.

* Não falar e nem mandar mensagem no celular
É proibido falar no celular enquanto anda de bicicleta. A punição é a mesma do guarda-chuva.

* Não escutar música enquanto anda de bicicleta
Andar de bicicleta, escutando música em seu mp3 player, iPod, iphone ou similares também pode acarretar em multa de ¥ 50.000.

* Andar apenas em ciclovias designadas para ciclistas
Você não pode andar de bicicleta na faixa de pedestres, mesmo que seja para ir de uma ciclovia para outra. Embora compartilhem a mesma calçada é preciso respeitar as faixas de pedestres e ciclistas. Se for necessário passar pela faixa de pedestres, você deve descer da bike e só depois de passar a faixa, poderá subir na bike.

* Não andar de bicicleta embriagado
É proibido andar de bicicleta alcoolizados. Isso pode lhe render cinco anos de prisão, além de uma multa de 1 milhão de ienes.

* Usar sempre o farol à noite
Andar à noite sem o farol estar ligado pode lhe render uma multa de ¥ 50.000.

* Andar sempre no lado esquerdo da rua
Se na calçada não houver faixa para bicicletas deve-se andar na rua, porém sempre à esquerda. É proibido andar do lado direito da rua, exceto quando houver construção, ou outra coisa bloqueando o caminho.

* Não estacionar a bicicleta em qualquer lugar
Existem lugares com em frente de estações de trem por exemplo onde são proibidos estacionar bicicletas. Fique de olho na sinalização. Bicicletas que estejam em lugares irregulares podem ser removidos, e se o dono não for atrás para recuperá-la, podem ser eliminadas. Normalmente existem estacionamentos de bicicletas gratuitas ou à um preço bem acessível perto da estação, portanto faça bom uso deles.

* Respeitar as sinalizações de trânsito
Passar no semáforo vermelho ou não parar em cruzamentos que tenham a placa Tomare (Pare) pode acarretar em uma multa máxima de ¥ 500 mil ou até três meses de prisão, além de colocar em risco sua vida e de outras pessoas.

Entendendo as placas de sinalização

sinalização para ciclistas tukoukaComo foi dito acima, nem todas as calçadas (Hodou,歩道) permitem pessoas andando de bicicleta, mas não se preocupe, pois você facilmente identificará se a calçada é compartilhada com pedestres ou não. Basta procurar por um sinal no chão ou uma placa como esta:

sinalização para ciclistas bikedameEsta sinalização indica que no local não é permitido o trânsito de bicicletas. Normalmente estão em locais que não tem calçada e que portanto são considerados perigosos para ciclistas como túneis subterrâneos, viadutos e auto-estradas.

sinalização para ciclistas tomareTomare (とまれ) significa “Pare”. Está presente em muitos cruzamentos ou em ruas sem semáforos. Certifique-se de parar quando ver essa placa, pois muitos acidentes acontecem por pura desatenção. Olhe para os dois lados e se não houver tráfego, prossiga.

Recomendações úteis:

Tranque sempre sua bicicleta
Mantenha a bicicleta trancada quando não estiver em uso. A maioria das bicicletas vem com uma trava com fechadura na roda traseira, mas se não houver, use aqueles cadeados compridos onde é possível prender a roda da bicicleta em um poste ou grade. Com certeza esse hábito reduzirá o risco de furtarem sua bicicleta.

Uso de capacete e acessórios de segurança
As regras manda que crianças até 13 anos usem o capacete, mas nos últimos anos o capacete vem se tornando um acessório cada vez mais usado no Japão, não só por crianças é adolescentes como também por adultos e pessoas de idade. E isso é muito legal, pois ajuda a evitar ferimentos mais graves se houver um acidente.

Transportando sua bicicleta
No Japão, é proibido transportar bicicletas dentro de um transporte público como ônibus ou trem. Você pode até levá-la, mas antes é necessário desmontá-la e armazená-la em um saco próprio para bicicletas chamado Rinko e este saco especial custa de 5 mil a 8 mil ienes em lojas de bicicletas no Japão.

Siga as regras para garantir a sua segurança
Você vai perceber que muitas pessoas ao seu redor não seguem a maioria das regras e você tem somente duas escolhas: Uma delas é fazer como essas pessoas e estar sujeito a uma série de adversidades como acidentes, multas e até prisão. Outra escolha é procurar seguir as regras e assim evitar problemas desnecessários.

Palavras úteis relacionadas à bicicleta:

Português Pronúncia Japonês
Bicicleta Jitensha 自転車
Estrada ruim michiga warui 道が悪い
Passagem de bicicleta saikuringu ro-o-do サイクリングロード
Loja de bicicleta jitenshaya 自転車屋
Asfalto ho-so-u-ro 舗装路
Longe to-o-i 遠い
Seguindo este caminho michinarini 道なりに
Estrada de Cascalho jarimichi 砂利道
Grande ookii 大きい
Esquerda hidari
Lado esquerdo hidarigawa 左側
Estreito semai 狭い
Perto chikai 近い
Caminho confuso mayoiyasui 迷いやすい
Fora da estrada ofu-roodo オフロード
Direito migi
Lado direito migi gawa 右側
Estrada íngreme michiga kyuuda 道が急だ
Em linha reta massugu 真っ直ぐ

Fontes de pesquisa
Consultants Japan, Tokyo Bike , Japan Cycling , Dicionário de palavras úteis

Quer Aprender Japonês?

  • Douglas Bezerra

    Enquanto aqui quase ninguém respeita as regras, se o pessoal daqui já deixa as crianças irem de moto sem capacete de bicicleta então nem se fala.
    No japão pelo visto é bom ficar bem atento as regras pois qualquer coisinha já faz efeito no bolso. kkkk
    Abraços!

  • Japão em Foco

    Oi Douglas!
    É verdade… uma vez fui parada no Japão por estar levando uma amiga na garupa. A sorte que na época ainda não estavam aplicando multas… O policial mandou minha amiga descer e disse que no Japão era proibido por causa de eventuais acidentes. Um outro conhecido também foi parado por um policial por estar com o farol queimado, mas a sorte é que ele foi complacente e também não deu a multa para esse conhecido. Mas pra não dar sorte ao azar, ele logo arrumou o farol para evitar problemas rs. Abraços!

  • Laura

    Mas e quem anda de sombrinha? 😕 Vi o vídeo que você postou no post anterior em que várias pessoas estão andando de sombrinha… (ou guarda-chuva feito sombrinha) 🙄

  • Japão em Foco

    Oi Laura!
    Pois é… por isso comentei também que muitos japoneses infringem as leis designadas para ciclistas. Andar com guarda-chuva e sombrinha enquanto anda de bicicleta é proibido, mas muitos continuam a faze-lo e a polícia faz vista grossa para a maioria dos casos. Se existisse essas leis aqui no Brasil, as multas correriam soltas pois os policiais daqui adoram ter a oportunidade de multar os cidadãos rs. Abraços! 🙂

  • Pingback: 40 motivos para amar o Japão (2° parte) | Curiosidades do Japão()

  • Pingback: Koban, postos policiais no Japão | Curiosidades do Japão()

  • Toshi

    Sempre achei que fosse proibido guiar bicicletas nas ruas, mesmo porque é mais perigoso e atrapalha o trânsito…e talvez por ser permitido na maioria das calçadas em várias cidades onde morei, o trânsito de bicicletas e pedestres juntos nas calçadas.

  • 師 縄沖

    Moro no Japão há mais de 15 anos, e tudo isso ai que foi postado são apenas regras impostas pelo departamento de trânsito, são leis? Sim, são leis, porém apenas para inglês ver.

    Talvez nas grandes capitais e talvez, somente apenas em Tokyo, e Osaka, pois nos outros estados essas leis não são praticadas, mesmo pelos japoneses.

    Morei em Kanagawa (Kawasaki) Yamagata, Kyoto, Saitama, Nagoya e hoje atualmente na cidade de Toyota, província de Aichi e não é oque eu vejo! Principalmente, estudantes e idosos, ninguém cumpre essas regras. Eu mesmo comprei capa de chuva para não andar de bicicleta com guarda chuva, mas vejo sempre estudantes e idosos andando de bicicleta com guarda chuva, e também andando pela calçada (quando tem) e na contra mão.