Fritadeira dentro de um aquário? Como isso?


Já imaginou fritar alguma coisa em um aquário?

Parece meio estranho, mas como sabemos, os japoneses são ninjas em suas invenções mirabolantes. Mas tem invenções que por mais estranhas que sejam, chama a atenção pela sua originalidade e criatividade. A última que fiquei sabendo foi de um restaurante japonês que resolveu transformar um aquário em uma fritadeira.

O óleo quente e a água do aquário ficam em contato mas o engraçado é que os peixes não morrem com o calor que vem da frigideira e ainda podem comer as sobras das frituras.

O inventor do equipamento levou 10 anos para bolar esse sistema de fritura, que não afeta de maneira alguma a saúde dos peixes, embora eu ache que alguns peixes devem ter morrido durante as primeiras tentativas\:???:/.

De acordo com o blog Boingboing, o óleo pode chegar a 163 graus, sem afetar a vida dos habitantes do aquário. Isto é, desde que os peixes não se aventurem a chegar perto da superfície onde a temperatura é mais alta.

A vantagem de se morar sob uma frigideira é que se pode comer todas as migalhas de bolinhos e croquetes. Fome certamente, os peixinhos não passam…

Na verdade, a intenção de fazer a fritura sobre um aquário com peixes, seria para demonstrar que realmente há água sob o óleo da fritadeira. Como as migalhas sempre caem para dentro do aquário, servindo de alimento aos peixes, faz com que o óleo não queime com facilidade, mantendo-o limpo por mais tempo.

Os riscos de acontecer uma explosão por causa da água e o óleo é reduzida, porque a água afunda antes de explodir. Realmente, bastante interessante e inovadora a funcionalidade dessa frigideira sobre a água, embora um tanto inusitada.

O único receio dos donos do restaurante é quando o prato for peixe frito, pois tem medo de estar estimulando o canibalismo entre os inocentes peixinhos.

Tá foi meio sem graça essa …\:roll:/\:lol:/…Dá uma olhada na demonstração do aquário/frigideira que é chamado em inglês como Water Fryer.

Quer Aprender Japonês?

1 Comentário

  1. Marcos de Souza

    ….eu AMO o JAPÃO.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *