Kakemono ( Kakejiku ) – Pergaminhos japoneses de parede


Kakemono ou Kakejiku – Pergaminhos japoneses de parede

Todo bom descendente de japonês, dever ter em alguma parede de sua casa, como decoração, um Kakemono ou Kakejiku (pergaminho japonês). O Kakemono é uma verdadeira expressão da arte e faz parte da decoração ornamental de uma casa japonesa, assim como o Ikebana.

O Kakemono geralmente tem o formato vertical, feito totalmente de maneira artesanal, com papel de seda ou tecido e emoldurada com papel brocado. Alguns podem até ser feitos com fios de ouro ou pedras preciosas. Desta maneira, o preço é bastante variável, podendo chegar a milhões de ienes.

kakejiku (1)
No conteúdo do Kakemono pode conter uma figura (animais, flores, paisagens, personagens da cultura japonesa ou do folclore japonês ou então uma caligrafia como um provérbio ou uma poesia. Todos possuem uma expressão artística, independente do seu valor. São realmente magníficos!

kakejiku

História do Kakemono – Kakejiku

Período Heian (794 – 1192)
O primeiro Kakejiku foi trazido da China, por missionários budistas que realizavam pinturas em pergaminhos para espalhar a sua religião. Depois que o budismo foi introduzido no Japão, o estilo kakemono suspenso, passou a ser difundido.

Período Momoyama (1573 – 1600)
Dois grandes soberanos representaram este período. Oda Nobunaga e Toyotomi Hideyoshi. Eles gostavam de realizar a cerimônia do chá (Chanoyu) em uma sala especial chamada “Tokonoma“. Essa sala era considerada o espaço que liga a arte e a vida cotidiana e era onde ficava a maioria das artes, incluindo os pergaminhos.

O principal objetivo do Kakejiku ou Kakemono, como também é chamado é de dar boas vindas aos visitantes da casa, assim como o Ikebana é responsável pela harmonia do ambiente.

As técnicas de pintura e de montagem do Kakejiku também foram se desenvolvendo e foram criados diversas figuras e poemas, provenientes de vários artistas.

Período Edo (1603 – 1868)
Esse período no Japão foi bem pacífico e isso contribuiu para o surgimento de muitos pintores. O Kakejiku começou a se popularizar entre o povo e já não era apenas os soberanos que os tinha em suas casas. Nessa época começou a ocorrer competições entre os pintores.

Após o Período Meiji (1868  ~)
Com as competições, os pintores se aprofundaram suas técnicas e ganharam mais liberdade de expressão, aumentando a variedade de desenhos e manuscritos com provérbios. Cada autor marca sua obra com seu Hankô (inkan), que é a forma usada para assinar no Japão.

As obras se popularizaram de vez após a Segunda Guerra Mundial, se tornando item obrigatório nas residências japonesas por todo o país. Os mais belos pergaminhos foram feitos à partir dessa data e no Japão é comum muitos colecionadores de Kakejiku, que possuem pergaminhos seculares e de inestimável valor.

Algumas famílias também possui Kakejiku herdados dos seus ancestrais e que são repassados através das gerações. Também é comum as pessoas trazerem vários Kakejiku do Japão para darem de lembrança aos familiares e amigos que vivem no Brasil ou então para si próprios, como recordação ou para decoração de ambientes.

Cuidados que se deve ter com o kakejiku

Como qualquer obra de arte, existem alguns cuidados que se deve ter com o painel japonês. O ambiente que ele ficar, não deve estar muito úmido e nem muito seco. Os japoneses não costumam deixá-los na parede por muito tempo. De vez em quando é preciso guardá-los na sua caixa especial, o “kiribako”.

O Kiribako, geralmente é feito de madeira especial que mantém a umidade constante e protege o pergaminho contra a corrosão. Nas duas extremidades da barra de rolagem do Kakejiku, geralmente tem “Fuchin” , que são pingentes que servem para dar peso ao pergaminho. O Kakejiku, geralmente é bastante leve e o “Fuchin” serve para manter o equilíbrio, evitando que o painel fique balançando por causa do vento.

Veja algumas obras no vídeo abaixo:

Quer Aprender Japonês?

11 Comentários

  1. Essa arte é um luxo, e super popular. enriquece com beleza e sonho qualquer ambiente. Lindo!

  2. Esse país maravilhoso sempre me trouxe inspiração para a vida. Foi um homem desse povo que falou comigo, quando eu era criança, de uma maneira surpreendentemente gentil e atenciosa. Nunca tinha sido tratada com respeito e atenção pelos adultos. isso me marcou e me fez ser uma boa pessoa …

  3. Pingback: Byōbu, os tradicionais biombos japoneses | Curiosidades do Japão

  4. Pingback: Hanami Festival - Contemplar as flores de cerejeira | Curiosidades do Japão

  5. marcia andrade

    Vocês teriam indicação de algum lugar onde posso encontrar réplicas desses pergaminhos de parede?

  6. Japão em Foco

    Oi Marcia Andrade!
    Em lojas que vendem artigos orientais ou então no bairro Liberdade em São Paulo é quase certo de que você encontrará esses pergaminhos. Abraços!

  7. Pingback: Shichi Fukujin, os 7 deuses da fortuna | Curiosidades do Japão

  8. Pingback: História, materiais e tipos de Shodo (Caligrafia japonesa) | Curiosidades do Japão

  9. Edson Correa

    Quanto mais eu vejo Japão em foco mais eu percebo que nasci no continente errado e meio a uma cultura errada.

  10. 呑山涼禅

    日本でも掛け軸を飾る家庭は減りましたが、まだ多くの家庭で掛け軸は愛されています。
    家にも墨絵の流水とダルマの掛け軸があります。

    春、夏、秋、冬の季節にあわせて掛けかえたり、季節の行事に相応しい絵を選択します。
    春なら桜の花 夏には流水 秋には月や菊 冬なら雪景色などが相応しいでしょう。

    また、小さな子供のいる家庭では子供の成長を祈願して
    3月、5月に特別な絵の掛軸を掛けたり、滝を昇る鯉の絵柄などが選択されます\(^o^)/

  11. Marcos de Souza

    Eu amo JAPÃO e , sempre hei de amar…..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *