9 razões pelas quais os japoneses hesitam em dizer “eu te amo”!

Razões pelos quais os japoneses hesitam em dizer eu te amo

Sempre tem alguém que pergunta: “Como diz “eu te amo” em japonês?. É uma pergunta complicada, uma vez que não há um bom equivalente em japonês. Em livros e dicionários, a tradução mais literal seria “ai shiteru”, mas na realidade esta expressão é raramente usada.

A pergunta que fica no ar é a seguinte: Por que é raramente usada? Por que ao invés de “ai shiteru”, os japoneses costumam usar termos como “suki” ou “daisuki” que em um contexto romântico pode ser traduzido como “Eu gosto de você” ou “eu adoro você”.

Sugoren, um site japonês especializado em dicas de namoro, realizou uma pesquisa online com 165 homens de até 20 anos de idade para saber quais as razões pelas quais eles não dizem “ai shiteru” às suas namoradas. Com base nos resultados obtidos, o site compilou uma lista com as nove justificativas mais comuns que impedem os homens de dizer “eu te amo”.

1) “Não quero dizer de forma leviana”

Os homens que forneceram esse motivo na pesquisa mencionaram que eles só querem usar essa expressão em casos muito específicos e formais. Isso porque “ai shiteru” tem muito mais peso e formalidade do que o nosso “Eu te amo” e não deve ser dito de maneira leviana.

Por este motivo, os homens aguardam a hora e o lugar certo para proferir essas duas palavrinhas mágicas que a maioria das mulheres sonham escutar de seus parceiros.

2) “Eu sou muito tímido para dizer isso”

Os homens japoneses costumam ser mais tímidos em relação a homens em outros países. Isso significa que eles podem ter mais dificuldade em expressar seus sentimentos, especialmente quando se trata de declarações de amor. Como um homem na pesquisa escreveu:

Bem, eu sou muito tímido para dizer isso!” Se você, mulher, sente que esse pode ser o motivo por não escutar um “eu te amo” do seu parceiro, não o coloque na parede. Fique ao seu lado até que ele esteja finalmente preparado emocionalmente e pronto para dizer isso.

Veja também:
O amor está no ar! Aprenda 20 Expressões Românticas Japonesas!

3) “É muito cedo para dizer isso”

Mesmo homens que não se enquadrem no caso acima, podem hesitar em fazer uma afirmação como essa, tão significativa, caso o namoro ainda seja muito recente. Afinal, é um período onde o casal ainda está se conhecendo e aprendendo coisas novas sobre o outro.

Uma declaração como essa logo no começo pode ser de fato precipitado. Não há necessidade de se apressar, então espere um tempo antes de levar as coisas ao próximo nível.

4) “Suki da! soa mais natural”

Esta razão é interessante porque mostra a forma como a mídia pode realmente influenciar as ações das pessoas em geral. Vários homens comentaram o fato de que muitas vezes as mulheres vêem personagens dizendo “ai shiteru” em livros, mangás ou na TV e consequentemente, criam expectativas em relação aos relacionamentos da vida real.

No entanto, os homens reais não são personagens, nem se sentem suficientemente confortáveis ​​em proferir essas palavras no mundo real, como nos mangás e doramas. Por isso, preferem dizer Suki da!, uma forma mais suave para expressar seus sentimentos.

5) “Caras legais não se apaixonam”

Certos tipos de homens não dizem “ai shiteru” por simples orgulho ou vaidade. Outros acreditam que se mostrar apaixonado e fazer declarações de amor a todo o momento pode ferir sua masculinidade. Pra esse tipo de homem, é melhor ouvir “ai shiteru” do que dize-lo.

Aprenda 14 Frases de Amor (Românticas) em Japonês!

6) “O que é amor?”

Alguns homens que participaram da pesquisa, especialmente os mais jovens, sentiram-se muito inexperientes para saber se o que sentiam era realmente amor ou não. Por este motivo, eles não dizem “ai shiteru”, simplesmente por não ter ideia do que realmente é o amor.

7) “Eu não quero lisonjeá-la demais”

Sim, é exatamente como está escrito acima – muitos caras não querem dizer “ai shiteru” para suas namoradas porque acham que elas ficarão com o ego inflado! Além disso, dizer eu te amo com regularidade pode fazer com que a frase perca o charme inicial.

Outros apontaram que não querem ser o primeiro a dizer isso pois se sentiriam como se estivessem baixando a guarda. Portanto, se as mulheres estiverem dispostas a dar o primeiro passo, quem sabe seus parceiros não se sintam mais motivados em faze-lo também!

8) “Seria uma mentira”

Esta razão pode parecer um pouco dura, mas não há nenhum motivo para mentir se o homem honestamente não sente amor pela namorada. Isso também pode ocorrer com homens que diziam e deixaram de dizer porque sentiram que o sentimento diminuiu ou desapareceu.

Se esse for o seu caso, está na hora de sentar com seu parceiro e definir os rumos futuros do relacionamento. Não é legal insistir em uma relação quando o sentimento não é recíproco.

9) “Não preciso dizer isso em alto e bom som”

Por último, mas não menos importante, muitos homens na pesquisa responderam dizendo que eles não precisam dizer “ai shiteru” porque acreditam que sua garota já sabe disso em seu coração! Mas ainda assim, pode ser bom verbalizar esses sentimentos de vez em quando.

E aí, o que achou das 9 razões pelas quais os japoneses não costumam dizer ai shiteru (eu te amo)? Com que frequência você diz “eu te amo” para o (a) seu (sua) parceiro (a)? Deixe-nos saber na seção de comentários abaixo! Sua participação é sempre bem vinda!

Fonte: Rocketnews24.com

Quer Aprender Japonês?

1 Comentário

  1. Que site bacana! Informações bem escritas, de forma leve… Amei….

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *