Enguia elétrica é usada para acender luzes de Natal


Enguia elétrica é usada para acender luzes de Natal em Aquário no Japão
Depois do terremoto e crise nuclear que o país sofreu recentemente, nada melhor do que procurar fontes alternativas para gerar eletricidade.

E para mostrar que são criativos nesse assunto, o Oceans Aquarium, um Aquário em Enoshima, província de kanagawa, conseguiu acender as luzes da árvore de natal com a energia gerada por uma enguia elétrica. O nome dado a esse tipo de energia é ECO-EEL.

A ideia tão incomum veio de um empregado do “Enoshima Oceans Aquarium“, Kazuchiko Minava. Foi ele próprio que fez tudo, desde a instalação e a condução da energia para a árvore de Natal. A corrente elétrica da enguia é capturada através de dois painéis de alumínio, onde funcionam como eletrodos.

Ao nadar pelo reservatório, a enguia transfere até 600 watts de energia elétrica, o suficiente para abastecer a energia das luzes de Natal da árvore de 2 metros de altura. A força do impulso eléctrico depende do tamanho de uma enguia. Uma enguia de um metro de comprimento transmite em média 350 watts de impulso elétrico.

A ideia é promover a sustentabilidade, afinal após a redução da demanda de energia elétrica no Japão, houve uma consciência ecológica maior em relação às energias limpas e renováveis.

Por enquanto, é somente a árvore de Natal, mas o Oceans Aquarium pretende que toda a iluminação do local seja obtida através da energia gerada involuntariamente das enguias.

Realmente, uma ideia sensacional, já que se trata de uma energia totalmente desperdiçada.

Fica a dica para o Brasil. Já que a concentração de enguias elétricas no Rio Amazonas é bem grande, bem que poderiam capturar a energia das enguias para suprir a energia ao menos das pessoas que moram na região.

Embora a ideia seja realmente boa e oportuna, houve muitos questionamentos sobre a praticidade do ECO-EEL para o uso doméstico. Já pensou se as pessoas ficam fascinadas pela ideia e resolvem começar a criar enguias elétricas em casa para gerar energia?

Só falta se tornar um novo tipo de bicho de estimação dos japoneses, tal como acontece com os besouros Kabutomushi e Kuwagata.

Assista aos vídeos:

Quer Aprender Japonês?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *