Besouros , bichos de estimação no Japão


Kabuto mushi

Você teria um besouro como animal de estimação? No Japão, isso é comum…

Nessa época do ano, quando o verão se aproxima, é comum a venda de besouros. Talvez por conta da aparência bizarra, alguns adultos questionam a criação deste inseto. Mas, para as crianças japonesas os besouros são de fato verdadeiros animais de estimação, com direito inclusive a ração especial e casinha própria.

Ele pode não ser um Pokemón, mas é um personagem de grande sucesso dos games e quadrinhos e grande sensação entre as crianças. Existem centenas de espécies de besouros no Japão, porém os tipos mais comuns e mais procurados pelas crianças são o Kabuto Mushi (カブトムシ) e o Kuwagata (クワガタ).

Kabutomushi (カブトムシ) Besouro Rinoceronte (Allomyrina dichotoma)

Kabutomushi 1 Tamanho: macho 3.8 ~ 7.8 cm, fêmea 3.5 ~5.0 cm
Estimativa de vida : 1 ano.

O besouro rinoceronte é chamado no Japão de Kabutomushi. É encontrado especialmente no Japão, Coréia, Taiwan e China. É vendido como um animal de estimação em lojas de departamento e no Japão e outros países da Ásia, ele pode até mesmo ser encontrado a venda em máquinas de venda automática.

É uma espécie muito comum no Japão , que inspirou os personagens de desenhos animados como ¨Mushiking, O Rei dos Besouros¨ e o Kamen Rider Kabuto¨. Kabuto significa capacete, referindo-se a um capacete do samurai e Mushi é significa erro em japonês. Sua principal característica é o chifre em forma de Y.

O preço varia conforme o tipo e o tamanho de cada besouro, mas os mais comuns custam em média 600 ienes, embora tenha outros mais caros que podem ultrapassa 10.000 ienes. Muitas crianças no Japão compram ou então saem na caça desses insetos para criá-los como se fossem verdadeiros bichos de estimação.
 

Kuwagata Mushi (くわがた むし):

kuwagata
Existem mais de 1.200 tipos da espécie .
Tamanho: Macho: 2.7 ~ 8.3 cm , fêmea 2.5 ~ 4.5 cm
Estimativa de vida: 2 a 3 anos.

Este é o maior besouro que existe no Japão e também um dos mais caros. Seu preço pode custar algo entre 40.000 a 150.000 ienes (800 a 3000 reais), dependendo se ele foi criado em cativeiro, se foi capturado da natureza, entre outros fatores. Mas os maiores podem ser chamados de “Diamantes Negros” e um besouro kuwagata desses pode valer vários milhões de ienes… Ou seja, encontrar um desses é praticamente como ganhar na loteria japonesa :)!

Mas por que japonês gosta de criar besouro?

Essa é uma pergunta que não quer calar. Os besouros são considerados bons animais de estimação, pois ocupam pouco espaço dentro de uma pequena casa japonesa, requerem pouco cuidado e podem ser deixados sozinhos por longos períodos de tempo.

Mas geralmente sua estimativa de vida é curta: Os machos normalmente morrem logo após o acasalamento e as fêmeas, após a postura dos ovos.

No Japão, os besouros podem ser comprados em Home Centers como o Cainz Home, especialmente no verão que é a época mais oportuna para encontrá-los. Mas muitas crianças preferem capturar os insetos em parques pelo Japão, apesar da população de besouros selvagens estar diminuindo a cada ano por causa dessa caça.

Os besouros são geralmente criados em caixas de plástico ou de vidro. Geralmente coloca-se pedaços de madeira dentro da caixa para que se sintam mais próximos do seu habitat. Em vez de seiva, os besouros são alimentados com frutas ou comidas especiais, como uma gelatina vendida especialmente em Pet Shops.

Mushiking: King of Beetles

mushiking
Um dos grandes sucessos entre as crianças no Japão é o torneio que combina uma coleção de cartões que são escaneadas numa máquina eletrônica chamada Kōchū Ōja Mushikingu (甲虫王者ムシキング). A batalha acontece entre as várias espécies de besouros ilustrados nos cartões. E vence o competidor que tem mais habilidade.

São mais de 20 mil torneios oficiais do jogo no Japão desde sua criação. Existem mais de 160 milhões de cartões dos besouros espalhados pelo mundo. A partir da popularidade desse jogo, em 2005 e 2006 foi exibido na TV um anime que fez muito sucesso chamado Kōchūōja Mushikingu (Mushiking, Rei dos Besouros).

mushiking

Besouros no Ringue

Boxe de Kabutos em TóquioEm Tóquio existe até um torneio de boxe com os kabutos. O vencedor recebe o título de ¨Rei Besouro¨, mas se você quer manter seu besouro como bicho de estimação, então não deve fazer isso, pois o besouro perdedor pode pagar com sua própria vida.

Porém a cada ano que passa, os fãs das lutas de besouros procuram importadoras para conseguirem raças com mais força, vindas do exterior. Não existe relatório oficial de quantos deles entram no Japão, mas segundo o Ministério da Agricultura, o número de besouros inspecionados nos aeroportos quadruplicou desde o ano de 2000 e muitas lojas de pet estão fazendo dos besouros um negócio muito lucrativo.

besouros no rigueNa loja Daiba Forest, que vende besouros do Japão e de outros países, como Filipinas, Indonésia, Austrália e até de lugares distantes como Camarões, os preços variam entre 100 ienes a 1,2 milhões de ienes. Segundo a loja Hokuto Narumiya, em um fim de semana movimentado cerca de 100 besouros são vendidos por dia”.

O difícil é acreditar que tem gente disposta a pagar tão caro por um besouro de 8,5 cm de comprimento :shock: :roll:. O que você acha sobre os japoneses gostarem de criar os besouros como animais de estimação? Deixe sua opinião!;-)

Fonte: Revista Vitrine edição 14, Wikipédia e Reuters

Quer Aprender Japonês?

19 Comentários

  1. Luciano

    Ola! parabens pelo site… gostei !!! só gostaria de falar que o tamanho dos insetos kabuto mushi … estão marcados em centimetros, mas na verdade é em milimetros…( ou faltou colocar um pontinho) blza, abraços, T +.

  2. admin

    Olá Luciano.
    Obrigada por avisar, realmente eu havia esquecido dos pontinhos.
    Vlw pela observação….post arrumado.
    Estarei esperando sua visita mais vzs ok
    Um abraço
    Admin

  3. Michelle

    Oi eu tenho 3 caboto mushi e ate onde vao o chifre da vemea? vc pode me responder?

  4. Bruno

    onde eu posso conseguir um besouro bom?

  5. jrm

    To indignada, que coisa nogenta crianças brincando com besouro!!!!!!!!
    Se eu ver um desses na minha frente eu mato com uma chinelada!!!!!!!!

  6. arthur

    Michelle disse:
    24 de agosto de 2009 às 5:00
    Oi eu tenho 3 caboto mushi e ate onde vao o chifre da vemea? vc pode me responder?

    Michelle kabuto muchi femea nao tem chifre

  7. irllan

    oi 😯 🙄 😛

  8. Marcos

    jrm, aff vc que é uma indginação
    “Se eu ver um desses na minha frente eu mato com uma chinelada!!!!!!!!
    grande coisa, várias pessoas daqui do Brasil tbm gostam desses bichinhos quando ve eles.

    se eu nao me engano tbm tem umas especies no brasil, como o dynastinae hercules. pesquisa por imagens no google por esse nome, tbm tem videos no youtube desses besouros.

  9. 👿 tãao tah neh site beesta

  10. Cristina Cavalcante

    Bom dia, acabei de localizar em meu jardim um besouro de chifres Onthophagus nigriventris, quero vendê-lo quem estiver interessado é só me contactar.

  11. Marlon

    Estou com belíssimo besouro a venda ou troca.Vou postar imagens no olx.

  12. Pingback: Enguia elétrica é usada para acender luzes de Natal | Curiosidades do Japão

  13. Rafael Guanais Fortes Araújo

    Estou interessado mo besouro, meu e-mail é guanaisadm@hotmail.com, favor enviar imagem

  14. Leandro

    Olá, primeiramente eu gostaria de parabenizá-la pelo seu site! Eu, que sou sansei, mestiço, e ainda não fui ao Japão, sempre passo aqui no seu site para admirar este país e suas tradições, assim como compreender um pouco sobre uma parte da minha família e as influências em minha vida.
    Bom, o motivo deste contato se deve ao meu desejo de realizar um pequeno apontamento na parte do seu texto em que traduz as duas palavras que compõem o nome kabutomushi.
    “Kabuto significa capacete, referindo-se a um capacete do samurai e Mushi é significa erro em japonês”
    Bom, em Kanji (o moderno e de uso atual no Japão), o termo Kabuto (かぶと), é escrito “兜”, que corresponde ao capacete ou elmo usado pelos samurais. Você falou certo!
    Porém o termo Mushi (むし), que é escrito “虫”,trata-se de uma das formas que corresponde aos insetos no geral. (^=^)
    Poderíamos até traduzir como “inseto capacete ou livremente como “besouro capacete”.
    Novamente eu agradeço esta oportunidade e cito ainda um de seus posts que me comoveu, que falava sobre os “bons modos” ensinados na cultura japonesa. Lembrei-me das inúmeras vezes em que tive que limpar o Nihongaku & oterás…
    Muito Obrigado!

  15. Heloisa maciel dos santos

    Gostei obrigada por postar sobre o japao .amo muito

  16. Heliton

    Gostaria de saber, em relação ao inverno como devo cuida-los.
    Tem alguma coisa q deveríamos fazer ?
    Obrigado

  17. jackson da silva vilela

    estou vendendo um kabuto

  18. jackson da silva vilela

    kabuto

  19. Silva

    eu tbm vendo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *