Randoseru: A Mochila Tradicional Japonesa


Randoseru, a mochila esolar japonesa

Curiosidades sobre a Randoseru, a mochila escolar do Japão

No Japão, a mochila escolar que as crianças usam durante todo o ensino fundamental é padronizada, ao contrário do Brasil, onde normalmente os pais ou as crianças tem a liberdade de escolher o tipo de mochila que mais lhes agrada e troca-la a cada ano se quiser. Essa mochila padrão japonesa é chamada de Randoseru (ランドセル) e a sua principal característica é a resistência.

Elas são projetadas para aguentar o impacto dos anos e é comum encontra-las intactas mesmo após o desgaste decorrente do uso e da exposição climática como sol, calor, chuva, vento, frio, etc….

A Origem do Randoseru

O nome “Randoseru” é derivado do holandês “Ransel”, que significa mochila. Essas mochilas foram introduzidas no Japão durante o século 19 e eram utilizadas por soldados japoneses. Em 1885, o governo japonês e o Gakushuin Elementary School tiveram a iniciativa de utilizar a Randoseru como modelo de mochila padrão para todos os estudantes do ensino fundamental.

Essa iniciativa se deu devido à forte influência do militarismo na época. Além disso, a Randoseru foi projetada para não causar estresse na coluna por causa do peso e no Japão, as crianças costumam ir para a escola acompanhadas pelos pais de carro e sim à pé, em pequenos grupos.

Quanto custa um Randoseru?

RandoseruRandoseru (topicks.jp)

A partir da segunda metade do século 20, a Randoseru se tornou padrão para todas as crianças que cursam do primeiro ao sexto ano do ensino fundamental, chamado no Japão como Shougaku (小学). Como foi projetada para ser usada durante todo esse período, seu preço costuma ser “bem salgado”.

Uma Randoseru de boa qualidade custa em média 36.000 ienes, mas hoje em dia é possível encontrar mochilas com preços variados, entre mais caras e mais baratas. O seu custo dependerá da qualidade do material utilizado na confecção da mochila. As de couro sintético costumam ter um preço mais acessível, embora a durabilidade normalmente seja inferior em relação às de couro legítimo.

Antigamente, era comum encontrarmos o Randoseru somente em duas cores: vermelho, usado por meninas e preto, por meninos. No entanto, nos últimos tempos, novas cores estão se popularizando como rosa, amarelo, verde, laranja, marrom, azul, azul marinho, entre outras. Apesar disso, ainda existem escolas mais conservadoras que ainda preferem manter as cores tradicionais.

Randoseru Randoseru (photozou.jp)

Dimensões e durabilidade

Uma Randoseru costuma ter 30 cm de altura, 23 cm de largura e 18 cm de profundidade. Ela vazia pesa em média 1,2 kg, mas existem mochilas mais modernas que podem pesar um pouco menos.

Ela é grande o suficiente para acomodar todo o material escolar do estudante e sua resistência representa as virtudes para uma boa educação – a unidade, a disciplina, o trabalho duro e a dedicação.

No Japão, normalmente são os avós que compram a Randoseru para os netos, quando estes entram no ensino fundamental. Algumas Randoserus produzidas no Japão podem chegar a custar mais de 700 dólares, porém existem opções mais em conta produzidas com material sintético de boa qualidade.

Apesar disso, muitos preferem recorrer aos “made in china” disponíveis em sites de vendas online, tais como Amazon, Aliexpress e eBay, com preços ainda mais acessíveis. No início do ano letivo, que ocorre no mês de abril, encontramos essas mochilas aos montes em lojas especializadas em artigos escolares ou em lojas de departamentos como Seibu, Isetan, Takashimaya, Marui e Mitsukoshi.

A fabricação do Randoseru

O processo de fabricação das mochilas Randoseru costuma ser artesanal, mesmo nos dias de hoje. A intenção é garantir a qualidade em cada etapa da fabricação. Por este motivo, os fabricantes costumam dar 6 anos de garantia, o que corresponde à duração de todo o ensino fundamental.

Além do material que será o corpo da mochila, são usados cerca de 200 acessórios durante a montagem, tais como fechos de metais, placas de uretano, entre outras. Para unir as partes maiores como a parte traseira, as divisórias e as alças são usadas colas especiais, além de uma costura bem reforçada realizada em máquinas de costura específicas por artesãos especializados.

No vídeo abaixo, você verá um mini youtuber mostrando o processo de fabricação de um Randoseru em uma pequena fábrica no Japão. Se prepare para ver cenas de extrema fofura 🙂


Link do vídeo (YouTube)

Popularidade fora do Japão

Por se tratar de um ícone cultural, a popularidade da Randoseru tem ultrapassado as fronteiras nipônicas. Muitos turistas estrangeiros compram uma randoseru para levar como lembrança do país. A mochila também tem ganhado os holofotes do mundo da moda e suas versões personalizadas tem conquistado muitos adeptos, inclusive celebridades internacionais como Zooey Deschanel.

Para a nação japonesa, a Randoseru é motivo de orgulho, assim como todo o seu sistema educacional. Apesar de ser um objeto simples, tem uma grande importância cultural e um grande significado para a maioria das pessoas que estudaram o ensino primário em instituições japonesas.

Muitos japoneses depois que entram na vida adulta, não conseguem se desfazer daquela que foi uma companheira inseparável durante boa parte da sua infância. Esse forte sentimento é a prova de que a Randoseru deixou realmente sua marca no coração daqueles que souberam valoriza-la.

Quer Aprender Japonês?

3 Comentários

  1. Flávia Wolffowitz

    Adorei conhecer um pouco mais da cultura que tanto admiro e a oportunidade de ver uma fábrica dessas adoráveis mochilas.

  2. marta

    Onde compro no brasil esa mochila

  3. Maria Genivalda

    Gostaria de saber preço de bolsa escolar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *