12 Curiosidades sobre Kuroneko Yamato, a Melhor Empresa de Takyubin do Japão!


Takkyubin, curiosidades sobre Kuroneko Yamato

Se você mora ou já morou no Japão, com certeza conhece o serviço de Takkyubin (宅急便) que significa “remessa / entrega rápida em casa”. Este sistema de entrega é muito utilizado no território japonês e tornou-se um serviço indispensável para todos os nipônicos.

Existem muitas empresas que prestam esse serviço no Japão mas as principais são o Kuroneko Yamato, Sagawa Express e Seino. Mas dentre essas empresas, com certeza a mais emblemática de todas é a Yamato com seu icônico Kuroneko (gato preto).

E existe boas razões para isso. Que tal conhecer algumas curiosidades sobre a Yamato Transport Co., Ltd (ヤマト運輸)? Depois de ler esse post, você vai entender definitivamente porque ela é considerada a melhor empresa de remessa de encomendas do Japão!

1. Yamato: Quase um século de existência!

A empresa Yamato foi fundada em 1919 por Yasuomi Ogura, em um momento onde as mercadorias eram transportadas principalmente por ferrovias. Ogura resolve então investir em caminhões para transportar mercadorias por rodovias, algo incomum para a época.

Em 1929, este empreendedor japonês criou o primeiro transporte regular de carga entre Tóquio e Yokohama, chamado de Yamato Courier. A empresa foi crescendo gradualmente até tornar-se a maior empresa de transporte rodoviário no início da Segunda Guerra Mundial.

2. Foi a Yamato que “inventou” o Takkyubin

Em 1976, Masao Ogura, filho de Yasuomi Ogura e na época CEO da empresa, cria o serviço de Takkyubin (também conhecido como TA-Q-BIN) ao descobrir que os serviços de correios no Japão (Japan Post) não entregavam encomendas com peso superior a seis quilos.

Em apenas três anos, o serviço tornou-se rentável, chegando inclusive em meados dos anos 80, exceder o volume de encomendas enviadas pelos correios nacionais. E com isso, a empresa Kuroneko Yamato tornou-se tão onipresente no Japão que seu nome takkyubin (宅急便) acabou substituindo o takuhaibin (宅配便) na linguagem cotidiana do país.

Foi a partir desse serviço criado pela Yamato, que outras empresas como Sagawa Express, seu principal concorrente, se estabeleceram nesse mercado. Mas apesar dos concorrentes, Yamato continua sendo o serviço de entrega porta-a-porta mais utilizado no Japão.

3. A Yamato faz entrega em todo o Japão

Takkyubin Yamato Kuroneko

Mora no alto de uma montanha ou então em uma ilha afastada? Não se preocupe, sua encomenda chegará até você sem problemas. Mesmo se o endereço estiver com uma escrita ilegível ou com algumas informações equivocadas, se no formulário constar o número de telefone ou código postal, isso já é o suficiente para que você receba sua encomenda.

4. A entrega é segura, eficiente e muito rápida

Geralmente as entregas são realizadas no dia seguinte em qualquer lugar do Japão, podendo ser até no mesmo dia dependendo da distância. Por outro lado, entregas de encomendas para Hokkaido e Okinawa podem levar até dois dias. A empresa trabalha 365 dias por ano e por este motivo os caminhões e peruas da Yamato podem ser vistas diariamente nas ruas.

Além disso, caso você não esteja em casa no momento de entrega, o funcionário deixará um recibo na sua caixa postal indicando que foi feita uma tentativa de entrega. Com uma chamada telefônica, você consegue providenciar o serviço de Re-Entrega no horário que desejar.

5. Mais de 1.8 bilhões de entregas anuais

Hoje, esse mercado movimenta cerca de 4 bilhões de pacotes por ano, o que significa que cada cidadão japonês entre 15 e 64 anos utiliza esse serviço pelo menos 40 vezes ao ano. O grupo Yamato é líder deste mercado com 48%, com cerca de 1.8 bilhão de entregas.

Não tem como negar que Masao Ogura foi realmente um pioneiro a frente do seu tempo, afinal uma empresa privada de serviço de entrega de encomendas à domicílio, com uma rede cobrindo todo o território japonês requeria de fato muito investimento em infraestrutura e um grande esforço da parte dele e de sua equipe para ser viável. E ele conseguiu! 🙂

Masao Ogura desenvolveu o serviço de takkyubin pensando nas necessidades dos clientes e conseguiu transformar este conceito em uma realidade tangível. Tendo a satisfação do cliente como um objetivo a ser alcançado, Yamato tornou-se uma referência em serviço de qualidade.

6. A empresa está expandindo por toda Ásia

No Japão, a rede Yamato é composta de 170.000 funcionários, 45.000 veículos (incluindo caminhões, peruas, motos e bicicletas) e 6.000 armazéns em todo o país. Acabou tornando-se um aliado do Japan Post no serviço de entregas ao invés de assumir a posição de concorrente.

Nos últimos anos, a empresa Yamato vem expandindo seus serviços para outros países como Taiwan, Xangai, Cingapura, Hong Kong e Malásia. Isso é resultado do serviço de qualidade prestado pela empresa, incluindo a rapidez e o cuidado no manuseio das embalagens das encomendas, permitindo que estas cheguem praticamente intactas em seus destinos.

7. Um serviço conveniente com preço acessível

Disponível 365 dias por ano, os serviços de entrega via Takyubin são particularmente fáceis de usar, mesmo para aqueles que não entendem japonês. Existem três maneiras de enviar um pacote: indo a um escritório da própria empresa, em lojas de conveniência ou até mesmo solicitando para que a empresa retire o pacote em sua própria casa ou hotel.

Outra conveniência é poder despachar malas e bagagens da sua casa ou hotel diretamente para o aeroporto ou vice-versa, evitando o incômodo de levarmos esse peso extra conosco até o destino. Escritórios da Yamato estão presentes nos principais aeroportos do país.

Os preços são acessíveis e variam de acordo com o tamanho do item a ser enviado, assim como peso e distância entre a coleta e a entrega. Existem seis formatos de objeto aceitos e o tamanho é determinado pela medida total da caixa: Altura + Largura + Profundidade.

Na imagem acima você pode conferir e comparar os preços cobrados pela Yamato, Japan Post e Sagawa Express. Apesar de ser um pouquinho mais cara, a KuroNeko costuma oferecer um desconto de ¥ 100 ienes para os clientes que levam o pacote até um ponto de coleta.

8. O significado do Gato Preto do logo

O logotipo da empresa de Takkyubin Yamato é tão icônico no Japão assim como o logotipo da Coca-Cola é nos Estados Unidos. Não é a toa que a maioria das pessoas costumam chama-la carinhosamente de “Kuroneko” em referência ao “gato preto” presente em seu logo.

Desenvolvido pelo fundador Yasuomi Ogura, o logotipo se caracteriza por um oval amarelo com uma mãe gata carregando gentilmente seu filhote na boca. Segundo Ogura, o logo simboliza a promessa da empresa de que eles cuidarão dos itens que lhes são confiados, da mesma maneira que cuidariam de um filho ou de alguém que fosse da sua própria família.

9. A Yamato criou casinhas fofas para gatos

Mais um bom motivo pra constatarmos que realmente a Yamato é realmente a melhor empresa de entregas porta a porta do Japão. Em homenagem ao seu mascote gato preto, eles criaram uma casa de gato de papelão em forma de uma perua ou caminhão usada em suas entregas.

Nem preciso dizer que esta casa de gato tornou-se um sucesso instantâneo. Além de ser adorável, os gatos se encaixam e se acomodam perfeitamente no seu interior. Como sabemos, os gatos adoram entrar em pequenos espaços, e portanto devem ter adorado a ideia.

10. Luvas com pegadas de gatos

E o que são essas luvas usadas pelos funcionários da Yamato? Que coisa mais fofa!!! Além do nome da empresa na parte superior, na parte inferior das luvas encontramos… pegadas de gatos. Pode parecer uma coisa boba para muita gente, mas não para os japoneses. Afinal eles adoram coisas kawaii e receber um pacote de alguém usando essas luvas não tem preço.

Pensa que acabou? Não, ainda tem mais… Em 2015, a Yamato lançou mais um truque impressionante para criar uma experiência positiva para seus clientes, só que desta vez relacionada com a embalagem. Ao abrir o pacote, o cliente se deparava com gatinhos andando em uma linha ao longo do comprimento do pacote, seja uma caixa ou um envelope.

kuroneko yamato takyubin

A empresa recebeu um feedback verdadeiramente positivo após o lançamento. Como não admirar uma empresa que se preocupa com detalhes como esses? São detalhes que fazem a diferença e que acabam contribuindo para a Yamato se sobressair perante os concorrentes.

11. Eles são solidários até com seus rivais

Os funcionário da empresa Yamato costumam ser muito simpáticos e gentis com seus clientes. E essa gentileza se estende até mesmo aos seus concorrentes. Na foto acima, um caminhão da Sagawa avariado e os funcionários da empresa Sagawa puderam contar com o auxílio de um funcionário da Kuroneko Yamato (segundo homem da esquerda para direita)

Além disso, os funcionários da Kuroneko tem um cuidado especial com os gatos que encontram nas vias, sempre observando se não há nenhum deles embaixo dos veículos da empresa. Não poderia ser diferente, afinal esses animaizinhos tornaram-se um símbolo da Yamato.

12. Ajudou a financiar “Majo no Takkyūbin”

Majo no Takkyūbin (魔女の宅急便), que no Brasil teve o título adaptado para “O Serviço de Entregas da Kiki”, é uma filme de animação produzido pelos Studios Ghibli em 1989. O filme foi escrito e dirigido por Hayao Miyazaki e fez muito sucesso no Japão.

Como já sabemos, a palavra “takkyubin” foi criada e registrada pela empresa Yamato. E embora a permissão para usa-la não fosse realmente necessária, a empresa não apenas aprovou o uso, como também ajudou a patrocinar o filme. Um dos motivos foi provavelmente o gato preto Jiji, que desempenhou um papel tão importante no longa-metragem.

servico-de-entregas-da-kiki

Enfim, essas são as 12 curiosidades a respeito da história do Takyubin e da empresa Kuroneko Yamato, que é o serviço de remessas de encomendas à domicílio mais utilizado no país. A partir de agora, toda vez que se deparar com algum veículo desta empresa, não deixe de agradecer e reverenciar esses caras pelo excelente trabalho que prestam no Japão. 😉

Referências: kanpai-japan.com, soranews24.com, goinjapanesque.com, carpediemjapancom

Quer Aprender Japonês?

1 Comentário

  1. Jorge T.Hino

    Este serviço pode até ser muito bom, mas quando eu ia retornar ao Brasil se recusaram a levar minha bicicleta, que estava desmontada e encaixotada, ao aeroporto e se não fosse por um amigo levá-la para mim teria deixado a minha Panasonic Mountain Cat R de presente para alguém. Além do que o funcionário que me atendeu pelo telefone foi bastante rude. Uma das poucas queixas que tenho da minha estada no Japão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *