Mar do Diabo – Triângulo das Bermudas Japonês


Triângulo do Dragão

Mar do Diabo – Triângulo das Bermudas Japonês

O Mar do Diabo fica no Oceano Pacífico, próximo a Ilha Miyake e a 100 km ao sul de Tóquio. Também é chamado de Triângulo de Formosa ou Triângulo do Dragão e assim como o Triângulo das Bermudas, o Mar do Diabo não aparece em nenhum mapa oficial, embora esse nome seja bastante utilizado por pescadores japoneses.

Essa área é famosa pois reza a lenda de que muitas embarcações e até mesmo aviões desapareceram misteriosamente na região, tal como dizem acontecer no Triângulo das Bermudas. Dizem que estes desaparecimentos ocorrem devido a variações magnéticas ou por causa de fenômenos sobrenaturais ainda inexplicáveis.

Segundo o site Assombrado, desde a 2ª Guerra, desapareceram mais de 1500 navios e centenas de aeronaves militares, comerciais e civis! Impressionante né?! Há relatos ainda de navios fantasmas enormes e sem tripulação navegando no local, sem contar ainda os relatos de avistamento de UFOS e OVINIs por ufólogos japoneses.

Mar do Diabo (Triângulo das Bermudas do Japão)

Durante a década de 1980, o autor Charles Berlitz escreveu o livro “Triângulo do Dragão” falando sobre fenômenos paranormais que ele acreditava ter ocorrido no Mar do Diabo. Segundo Berlitz, o Japão perdeu cinco embarcações militares com uma tripulação de mais de 700 pessoas entre os anos de 1952 e 1954.

Por conta disso, a área foi declarada oficialmente uma zona de perigo. Entretanto, muitos dizem que as alegações de Berlitz são infundadas e que nem todos os navios militares desapareceram no Mar do Diabo. Segundo alguns pesquisadores, os desaparecimentos ocorreram na verdade por conta das condições meteorológicas e não em decorrência de atividade sobrenatural ou coisas do gênero.

Apesar disso, a má reputação ficou e o Mar do Diabo passou a ser conhecido como uma área extremamente perigosa. Há boatos inclusive que o avião do voo MH370 da Malásia tenha desaparecido no local, mas é pouco provável já que fica a muitas milhas de distância da última posição conhecida do avião da Malásia.

Existe outra teoria que diz que no local existe um vulcão submarino e que este poderia ser responsável pelos desaparecimentos, pois estes tipos de vulcões podem destruir qualquer coisa sem deixar vestígios. Há ainda várias superstições e lendas curiosas a respeito desse local misterioso relacionado ao folclore japonês.

A lenda do Dragão do Mar

Segundo, uma fábula japonesa, um homem idoso vivia em uma ilha japonesa na região do mar do diabo. Ele vivia totalmente sozinho, e levava uma vida tranquila e feliz. Um dia o pescador percebeu que não tinha mais a força da juventude para remar seu barco e pegar os peixes que faziam parte da sua alimentação diária.

Ele tentou pescar alguns peixes perto da costa, mas não havia nenhum. Ele estava prestes a desistir, quando viu uma névoa estranha e vermelha pairando sobre o seu barco. Desconfiado, ele resolveu ir em direção à névoa e para sua surpresa, a névoa de repente transformou-se em uma figura humana e falante.

Disse ao pescador: “Eu vivi nesta ilha por muitos anos, mas fui amaldiçoado por uma bruxa malvada, que me baniu da terra, do mar e dos céus. Desde então, tenho andado por aí, nem aqui nem lá. Eu gostaria de voltar a ser um pescador como antes mas para isso, precisarei do seu barco para me livrar da maldição. Em troca, fornecerei todos os peixes que você quiser e você nunca passará fome.”

O velho concordou, e entregou os remos do seu pequeno barco ao homem, porém ao fazer isso, o tal homem começou a crescer e crescer, transformando-se em um dragão.

O barco também aumentou de tamanho como num passe de mágica. O velho pescador bem que tentou pegar os remos de volta, mas já era tarde demais, o dragão sumiu em meio ao oceano, levando seu barco.

Apesar de tudo, o Dragão do Mar foi fiel à sua palavra, e trazia um grande número de peixes para a ilha, todas as manhãs, conforme tinha combinado com o velho pescador.

Porém, segundo a fábula o Dragão do Mar (ou Diabo do Mar) passou a aterrorizar aquelas águas, engolindo todas as embarcações que rondassem por ali.

Pra quem quer saber mais detalhes a respeito do Mar do Diabo e do Triângulo do Dragão, recomendo esta matéria do site Assombrado . Assistam também a esse vídeo do Fatos Insanos com algumas curiosidades interessantes a respeito desse assunto:

Quer Aprender Japonês?

3 Comentários

  1. Diego

    foda-se

  2. Aranha

    Declaram o lugar como perigoso, mas não mapeiam? De qualquer forma é estranho.

  3. Kiyoshi

    Também tem o sumiço do avião cargueiro da Varig,com os cinco tripulantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *