Japão: Como tirar o visto de turista?

Como tirar visto de turista para viajar para o Japão

Como tirar visto de turista para viajar ao Japão?

Muitas pessoas tem o sonho de um dia visitar o Japão e conhecer muitos de seus pontos turísticos famosos. E uma das primeiras etapas para a realização desse sonho é conseguir o visto de entrada no país. Muitos acreditam que é complicado tirar o visto para visitar o Japão, mas se você ler as exigências com calma e planejar com antecedência, tudo dará certo.

O visto de turismo (curta permanência) no Japão pode ser usado para entrar no país em viagem de lazer, visita a parentes, congressos, negócios ou apenas para conexões em aeroportos japoneses (trânsito). Vale destacar que este tipo de visto não permite exercer atividade remunerada no Japão. O tempo de permanência no país é de no máximo 90 dias.

Ao contrário do visto americano, o processo de solicitação não inclui entrevistas. Basta o preenchimento de todos os formulários e documentos com cópias, que deve ser apresentado ao consulado mais próximo de sua casa ou à Embaixada do Japão no Brasil.

Visto de turismo com múltiplas entradas

Akihabara, bairro dos eletrônicos

Uma novidade é que agora é possível tirar o visto de múltiplas entradas, o que facilitou muito a vida das pessoas que viajam muito para o Japão. O prazo de estadia no país continua de no máximo 90 dias mas tem validade de três anos. Assim, os turistas brasileiros podem entrar e sair do país durante esse tempo, sem necessidade de renova-lo a cada viagem.

Essa novidade faz parte de um Memorando firmado em Tóquio no dia 2 de fevereiro e visa estreitar os laços de amizade entre Brasil e Japão, assim como impulsionar o turismo entre os dois países. Existe um outro Memorando similar, em vigor desde janeiro de 2012, mas está relacionado à concessão de vistos para viagens de negócios por até 3 anos.

Quais são os requisitos para obter o visto de múltiplas entradas?

Para obter o visto de múltiplas entradas, o solicitante deve:

➧ Ter visitado o Japão por curta permanência nos três últimos anos (A comprovação deve ser feita com o passaporte)
Exercer atividade remunerada e renda suficiente.
➧ Ser dependente (cônjuge ou filho(a)) da pessoa que preenche os requisitos do item anterior.
➧ A validade do visto de múltiplas entradas é de 3 anos (poderá ser de 1 ano dependendo do motivo de solicitação).

Quanto tempo poderei ficar no Japão?

Kinkaku-ji o Templo do Pavilhão Dourado
O período de permanência permitido pode ser de 15 dias, 30 dias ou 90 dias, dependendo da compatibilidade com os requisitos.

➧ 90 dias: Exercer atividade remunerada e ter visitado o Japão por curta permanência nos três últimos anos, além de ter renda suficiente para a viagem.
➧ 30 dias: Exercer atividade remunerada e ter renda suficiente para a viagem.
➧ 15 dias: Ser enquadrado em apenas um dos requisitos.

Como tirar o visto para o Japão?

O tipo de visto varia de acordo com o propósito da viagem, podendo ser de curta ou longa permanência. Por isso, o primeiro passo para tirar o visto, é definir em qual categoria a viagem se encaixa. Confira aqui quais são os tipos de visto para o Japão.

Quais são os documentos necessários?

➧ Carteira de identidade RG
➧ Comprovante de renda
➧ Passagens de ida e volta (ou comprovante das reservas)
➧ Passaporte com validade de pelo menos 3 meses antes de sua viagem
Formulário de solicitação de visto preenchido (Escrito em letra de forma ou digitalmente)
➧ Uma foto 4×5 cm 3×4 nítida e recente
Cronograma de viagem (preenchido detalhadamente).

Mas lembre-se que existem vários tipos de visto de curta permanência (de negócios, visita a parentes, amigos etc), e nesses casos outros documentos podem ser solicitados. Certifique-se neste link sobre os documentos necessários para o tipo de visto que você vai tirar.

Qual o órgão responsável para a emissão de vistos?

Os documentos devem ser levados à embaixada do Japão ou ao consulado japonês que atende à sua região e cada escritório de um horário de atendimento específico, de segunda à sexta. Para dar entrada ou retirar o visto é necessária a presença do próprio requerente.

Em caso de impossibilidade de comparecimento, serão admitidas solicitações ou retiradas mediante a presença de familiares em primeiro grau (pais, irmãos e cônjuges) munidos de documentação que confirme o parentesco ou de representante com procuração.

Também pode ser solicitado por meio de agência de viagens cadastradas junto ao consulado ou à embaixada. Confira a lista de consulados Japoneses no Brasil e suas jurisdições.

Quanto tempo demora para o visto ser aprovado?

O tempo de análise para a solicitação de vistos costuma ser rápido. O de curta permanência ou de trânsito é de dois dias e o de longa permanência, em média, quatro dias. No momento da retirada, é efetuado o pagamento da taxa consular, que atualmente custa R$ 18 (visto de trânsito), R$ 79 (visto de uma entrada) ou R$ 158 (visto de múltiplas entradas).

No caso de visita a Okinawa, se apresentar documento que comprove que irá para Okinawa como passagem aérea ou reserva de hotel, será isento de pagamento da taxa consular de emissão de visto. A partir da emissão de visto, o solicitante tem 3 meses para entrar no Japão.

Quanto de dinheiro precisarei levar?

dinheiro japonês
Essa é uma dúvida comum entre as pessoas que sonham um dia visitar o Japão. Na verdade, o consulado não estipula um a quantia mínima que o turista precisa levar na viagem, mas através da análise do comprovante de renda e extratos bancários, conseguem avaliar se a pessoa tem condições financeiras de viajar e se manter no país durante os dias que estiver lá.

Portanto, um bom planejamento é a chave para conseguir a autorização do visto. É importante fazer um roteiro e estipular os gastos diários que terá durante a viagem. Por exemplo, caso você já tenha comprado a passagem de ida e volta e pretende ficar 15 dias no Japão, podemos estipular um gasto médio de 100 dólares por dia, incluindo hotel e passeios turísticos.

Ou seja, você tem que ter pelo menos a quantia de 1.500 dólares reservados para a viagem. Lembrando que esse valor que eu dei é apenas um exemplo, pois vai depender muito do roteiro de viagem que você elaborar, em que tipo de hotel vai se hospedar, etc. Sempre temos que levar um pouco a mais do que achamos que precisamos para casos de emergências.

Os próximos Jogos Olímpicos será em 2020, em Tóquio e com certeza muitas pessoas desejarão estar lá para assistir. Caso você esteja entre essas pessoas, é bom ir se programando desde já, organizando o roteiro e guardando dinheiro sempre que possível. Assim, quando a viagem estiver próxima, você vai estar tranquilo e seguro de que tudo vai dar certo!

Confira também as nossas 8 dicas para economizar em sua viagem ao Japão

Boa Viagem!!! 🙂

Participe da 7° Semana da Língua Japonesa

Quer Aprender Japonês?

1 Comentário

  1. Barbara Cortat

    Olá,

    da entrada até pegar o passaporte, quanto tempo demora para sair o visto se eu levar toda a documentação certinha direto no consulado aqui em São Paulo??

    Obrigada

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *