Yaki-Imo – Batata doce assada à moda japonesa


Yakiimo (batata-doce assada)

Você já comeu Yaki-Imo (焼き芋)? Yaki-Imo (batata doce assada) é um das guloseimas de inverno mais populares no Japão. Se você quer se aquecer durante o inverno e surpreender o seu paladar ao mesmo tempo, não deixe de experimentar essa delícia. 🙂

Se você mora no Japão, com certeza já deve ter visto caminhõezinhos de Yaki-imo passando na rua entoando uma canção dos alto-falantes: ♪♪… yaki-imo, yaki-imo… ♪♪

Nos últimos tempos, percebe-se que a quantidade desses vendedores ambulantes circulando nas ruas a procura de clientes tem diminuído. No entanto, essa iguaria continua sendo uma tradição e muito popular especialmente entre as crianças que correm até o caminhão com dinheiro na mão para garantir sua batata doce assada, quentinha e suculenta.


Link do vídeo (YouTube)

Como muitos outros alimentos, o yaki-imo agora pode ser comprado convenientemente na maioria dos supermercados, portanto, caminhões yaki-imo não são vistos com tanta frequência. Mas para as gerações mais antigas de japoneses, a tradicional canção entoada pelo caminhão de batata-doce assada é ainda considerada a trilha sonora do outono e inverno.

Antes do caminhão, os vendedores empurravam carroças pela cidade para venderem sua batata doce assada na pedra. Com o passar do tempo, as carroças foram substituídas por veículos. Se você mora no interior ou mesmo em áreas residenciais de grandes cidades, preste atenção na musiquinha especialmente no fim da tarde das estações mais frias.

As batatas-doces se caracterizam por suas cores vibrantes: púrpuras por fora e amarelas por dentro. São assadas por um método chamado “ishiyaki” que se caracteriza por um forno composta por pequenas pedras aquecidas que fica na parte de trás do caminhão. Apesar do perfil tecnológico do Japão é interessante ver que essa tradição ainda resiste ao tempo.


Link do vídeo (YouTube)

No Japão, batata-doce é chamada de “Satsuma imo” (さつまいも). São originárias da Ásia Oriental (China, Japão Coreia), sendo muito popular nestes países. Uma outra maneira de preparar o yakiimo é embalar a batata doce em papel alumínio e coloca-lo sobre o sutobu (aquecedor a base de querosene), muito comum nas residências e fábricas japonesas.

O yakiimo tem um sabor forte e uma textura aveludada. Seu preço também é bastante convidativo. O preço varia dependendo do peso e tamanho, cerca de 200 ou 300 ienes (médias) e 400 ienes (grandes). Em supermercados ou em algumas lojas como “Don Quixote”, por exemplo, muitas vezes há pontos fixos de yakiimo com preços a partir de 100 ienes.

Em diferentes épocas, a batata-doce salvou muitas pessoas da fome, especialmente depois da guerra. Agora a batata doce é um ingrediente chave na variedade de Shochu (bebidas destiladas). Mais de 40% da batata doce do Japão é produzida em Kagoshima!

Se você quiser aprender como fazer batata-doce assada à moda japonesa, saiba que não tem muito segredo para prepara-lo. Confira o vídeo abaixo com o passo a passo:


Link do vídeo (YouTube)

No Japão também existe uma máquina especial para assar batatas-doce: Yakiimo Roasted Sweet Potato Maker. Esse grill elétrico foi projetado especialmente para duas batatas doces assarem lentamente. Basta colocá-los no grill, definir o time no temporizador na tampa e aguardar até que seu yakiimo esteja pronto! Praticidade é tudo não é mesmo? 🙂

O interessante é que este grill também vem com a grelha tradicional para sanduíches. Super versátil! Ela pode ser encontrada à venda no site da Japan Trend Shop, por 145 dólares.


Link do vídeo (YouTube)

E aí? Já teve oportunidade de experimentar o yakiimo (batata-doce assada à moda japonesa)? O que achou do seu sabor? Conta pra gente! 🙂

Quer Aprender Japonês?

4 Comentários

  1. Leandro Guimarães

    Oi Silvia! Que legal! Agora, posso fazer Yaki-Imo em casa e experimentar essa delícia japonesa!

  2. Yoshiaki Takeda

    Gosto de yaki-imo e as vezes comia quando estava no Japão. Em Portugal só comi algumas vezes, fazendo com água a ferver. Agora sei como se faz no forno elétrico. Obrigado.

  3. Eurica Aparecida Okada Narita

    No frio ou em qualquer época é uma delícia.

  4. Luzia Oba

    Amo comer yaki imo qdo estava no Jp comia todos os dias do caminhaozinho so saudades….

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *