Decoração Oriental para Espaços Abertos


jardim japonês

Decoração Oriental para Espaços Abertos
Quando falamos de decoração, nem sempre se trata de lugares fechados. E se o assunto é decoração oriental, não podemos deixar de pensar nos ambientes abertos, como o jardim da sua casa. Se você é apaixonado por essa cultura, há muitas ideias por aí para transformar um jardim normal em um verdadeiro jardim japonês.

A diferença entre um jardim ocidental e oriental é que o primeiro busca formas geométricas como inspiração e, o segundo, envolve a espiritualidade e respeita a beleza do ambiente de forma natural.

Se buscar um imóvel com essa intenção, análise primeiro a estrutura do lugar para que você tenha seu jardim japonês em casa. O tamanho faz toda a diferença, a iluminação do sol em determinadas horas do dia, etc.

As vantagens de um jardim oriental é que ele não requer muito espaço e muitos materiais utilizados em sua decoração podem ser encontrados na própria natureza como rochas e pedras. A ideia central é criar um ambiente tranquilo, que traga paz e tranquilidade ao ser contemplado pela família ou visitantes.

Areia branca, rochas e pedras são grandes elementos em um jardim japonês e segundo o Feng Shui, o local onde serão colocadas é essencial para criar um equilíbrio. Três rochas juntas, duas do mesmo tamanho representado o homem e a mulher e outra menor são usadas para simbolizar a trindade budista.

Jardim japonês

Uma das características essenciais de um jardim tipicamente japonês é fazer uma simbiose com a parte interna da casa, criando uma atmosfera de equilíbrio e harmonia com a natureza. Veja por exemplo os jardins decorados no Agente Imóvel, alguns deles estão com um toque de estilo oriental.

A iluminação também é muito importante no paisagismo oriental. Uma dica é decorar o jardim com velas ou ainda com as tradicionais lanternas de pedra. Dê uma pesquisada sobre o assunto ou se preferir, contrate uma pessoa especializada em iluminação de paisagismo para ajuda-lo nessa tarefa.

Você também tem a opção de fazer um Curso de Iluminação de Paisagismo, com o objetivo de desenvolver técnicas profissionais de iluminação em jardins e áreas externas. Este curso em questão, é direcionado não só para profissionais como arquitetos, paisagistas e decoradores, como para qualquer um que deseja ser um expert no assunto e quem sabe até, se profissionalizar na área.

Quando menos, significa mais…

Um jardim estilo oriental é regido pela simplicidade quando a questão são móveis. O ideal é que sejam de materiais naturais para que possam se integrar ao ambiente.

Como exemplo podemos citar um banco de jardim feito de bambu, teca ou pedra. É importante definir onde colocará o banco. O ideal é que esteja em um local estratégico, de onde poderá apreciar todo o jardim.

Quanto ao pavimento utilizado em um jardim, algumas sugestões são cimento agregado por ter uma aparência natural que lembra terra e que tem grande durabilidade ou então, criar um pavimento no qual intercale cimento e terra batida, deixando que o musgo ou grama cresça entre os espaços.

É uma forma de criar um equilíbrio entre o homem e a natureza.

Outra dica é colocar pequenas rochas ou pedras de rio ao longo de toda a pavimentação. Dá um toque bastante bonito, além de ajudar a suavizar as bordas de concreto. Outra dica são pisos de madeira, que dão um ar rústico ao jardim oriental.

Plantas para a decoração de um jardim oriental

Um jardim japonês é cercado por árvores, arbustos e flores perenes que representam a passagem das estações. Algumas plantas nativas são características marcantes como pinheiros, cerejeiras e bambus, mas é importante colocar plantas que se adaptem ao clima da região onde vive.

Existem várias formas de adaptar plantas nativas dentro do projeto que desejamos. Para tal, basta contarmos com o apoio de um profissional da área ou podemos ainda, fazer um curso de jardinagem e paisagismo. Topiaria também é uma técnica de jardinagem muito empregada em jardins orientais.

Algo bem comum nos ambientes orientais são os Bonsais. Essas árvores em miniatura que são criadas em vasos de cerâmica ou de plástico, depende do tipo de muda, dão um toque especial na decoração. É um item que não pode faltar! Outro item de decoração oriental que gosto muito é o Penjing (estilo chinês) ou Bonkei (estilo japonês), que são espécies de paisagens em miniatura.

Outra dica é ter um Jardim Zen, pode ser miniatura ou em tamanho maior, e com variação das pedras. O Kit de Jardim Zen não é difícil de encontrar em floriculturas, por exemplo. Quem tem um desses como item de decoração no espaço aberto de casa acredita que o jardim pode libertar as energias que estão aprisionadas no local, fazendo com que as pessoas se sintam bem e leves.

Outra sugestão é colocar no jardim, uma fonte de água feitas de pedra e bambu, conhecida como Shishi-Odoshi. O barulho da água caindo e o som do bambu são elementos que trazem paz e tranquilidade a qualquer jardim.

Se a sua casa for grande, você pode abusar do estilo oriental um pouco mais com o uso de Portais. Quem já foi na Liberdade, bairro com forte presença asiática em São Paulo, já viu muitos deles nas ruas. Geralmente eles são de madeira e avermelhados e representam a terra do sol nascente.

Também para espaços maiores, ter um lago com peixes, tipo Carpas, dá um ar totalmente oriental para sua casa. A água, nesse caso, representa vida, e as carpas são vistas como símbolo de fertilidade e prosperidade. As pontes vermelhas são consideradas como uma passagem simbólica para um mundo tridimensional e estão muito presentes nos jardins japoneses.

Na correria que vivemos hoje, é importante que em nossa casa tenha um cantinho especial onde possamos relaxar, meditar e recarregar nossas baterias. Se você busca equilíbrio e paz interior, construir um ambiente espiritual como um Jardim Japonês com estilo zen pode fazer muita diferença em sua vida.

Quer Aprender Japonês?

6 Comentários

  1. Gilmar Tavares Oliveira

    Gostei muito!

  2. Pingback: 10 Motivos para Conhecer o Japão na Primavera - Japao em Foco | Curiosidades do Japão

  3. Robson Mori

    vai ter matéria sobre decoração oriental para espaços fechados também?

  4. Nara Leão

    Quem sabe a força do pensamento ajude a realizar meu sonho de morar num lugar assim.

  5. Amo essas decorações, tenho uma fonte de bambu linda, faz sucesso com todo mundo que me visita!

  6. Íris Souto

    Amo o Japão. Meu sonho um dia é ver a festa de comemoração da florada da cerejeira . A coisa mais linda que já vi , mesmo através da tv. Amo esse povo que tanto respeita a NATUREZA. Iris Souto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *