Conheça os 10 Jardins Mais Espetaculares de Tóquio!

Jardins tradicionais de Tóquio

Tóquio é uma metrópole repleta de arranha-céus, áreas comerciais e com tecnologia de ponta por toda parte. Apesar disso, é possível encontrar vários oásis na capital japonesa, repletos de áreas verdes onde os moradores e visitantes tem a oportunidade de respirar ar puro, relaxar, tirar fotos, enfim… dar aquela escapada do tumultuo e da vida agitada da cidade.

Caso esteja em Tóquio, não deixe de conhecer alguns dos mais bonitos jardins tradicionais da cidade. Tenho certeza que um passeio por esses locais vai trazer-lhe tanta paz e tranquilidade a ponto de você praticamente esquecer que está na maior metrópole japonesa. 🙂

1. Rikugi-en (六義園)

Rikugien (travelliker.com.hk)

Rikugien (六義園) é muitas vezes considerado um dos mais belos jardins de Tóquio. Construído por volta de 1700 para o 5º Tokugawa Shogun, Rikugien literalmente significa “jardim de seis poemas” e reproduz em miniatura 88 cenas de poemas famosos. O jardim é um bom exemplo de um típico jardim do Período Edo, representado por um grande lago central, rodeado por colinas artificiais e áreas arborizadas, todos ligados por uma rede de trilhas.

Durante a primavera, flores de cerejeira podem ser apreciadas no final de março e início de abril, assim como as azáleas que florescem em meados de abril até o início de maio. Mas é durante o outono que Rikugien fica ainda mais belo devido às mudanças de cores das folhagens, que ocorre geralmente entre o final de novembro e início de dezembro.

Neste local, os visitantes também tem a oportunidade de descansar e tomar um chá (510 ienes) na casa de chá Fukiage Chaya, situada ao longo da costa noroeste da lagoa central. Rikugien está localizado a 10 minutos a pé ao sul da Estação Komagome (Yamanote line) ou Linha de Metro Namboku. Para desfrutar o local é necessário pagar uma taxa de 300 ienes.


Link do vídeo (Youtube)

Endereço: 6-16-3 Hon-komagome, Bunkyo-ku, Tokyo 113-0021 [Mapa]
Homepage: http://teien.tokyo-park.or.jp/en/rikugien/

2. Shinjuku Gyoen (新宿御苑)


Shinjuku Gyoen (linshibi.com)

Shinjuku Gyoen (新宿御苑) era originalmente a residência particular de um senhor feudal e hoje é considerado um dos jardins mais importantes da era Meiji. Aberto ao público em 1949, Shinjuku Gyoen possui 58,3 ha e uma circunferência de 3,5 km, combinando três estilos distintos de paisagismo: Francês, Inglês e é claro, o tradicional jardim japonês.

Localizado apenas a uma caminhada de dez minutos da estação de Shinjuku, Shinjuku Gyoen é repleto de amplos gramados, árvores e lagoas. Existem três portões para adentrar o parque e várias linhas de trem levam até ele, como o Yamanote Line. O parque funciona todos os dias, exceto às segundas-feiras. A taxa para entrar no Shinjuku Gyoen é 200 ienes.


Link do vídeo (Youtube)

Endereço: 11 Naitomachi, Shinjuku, Tokyo 160-0014, Japão [Mapa]
Homepage: www.env.go.jp/garden/shinjukugyoen/english

3. Hamarikyu Gardens (浜離宮)

Hamarikyu Gardens (garden-vision.net)

Hamarikyu Gardens (浜離宮) é um grande jardim paisagista que possui um lago conectado à Baía de Tóquio. Por esta razão, o lago muda de nível constantemente conforme as marés. Há uma plataforma sobre o lago com uma agradável casa de chá, onde os visitantes podem participar de uma tradicional cerimônia do chá, descansar ou desfrutar da paisagem.

Outra característica desse belo jardim de estilo tradicional é o contraste da área verde com os arranha-céus do distrito adjacente Shiodome. Este jardim é repleto de árvores e flores sazonais que florescem durante o ano todo. Hamarikyu está situado próximo ao Mercado de peixe Tsukiji, que é famoso por seus peixes frescos e degustação de sushi e outras iguarias.

Assim como a maioria dos parques em Tóquio, Hamarikyu Gardens foi a residência de um senhor feudal durante o período Edo. Para chegar no local, basta uma caminhada de 5 a 10 minutos a partir da estação de Shiodome (Oedo Line) ou uma caminhada de 10 a 15 minutos a partir da estação de Shimbashi. A taxa de admissão tem o custo de 300 ienes.


Link do vídeo (YouTube)

Endereço: 1-1, Hama Rikyu-teien, Chuo-ku, Tokyo 104-0046 [Mapa]
Homepage: teien.tokyo-park.or.jp/en/hama-rikyu

4. Kiyosumi Teien (清澄庭園)

Kiyosumi Teien (www.wifi-tokyo.jp)

Kiyosumi Garden (清澄庭園) pertencia a um senhor feudal durante o Período Edo. Durante o período Meiji, o fundador da Mitsubishi comprou o jardim para entreter seus convidados, porém em 1932, o local foi doado para a prefeitura de Tóquio e passou a ser aberto ao público. Perto da entrada há o Taisho Kinenkan, um memorial dedicado ao Imperador Taisho.

Um destaque interessante no Kiyosumi Teien são as rochas utilizadas na composição da paisagem, inclusive o famoso “isowatari” (caminho de pedra sobre a água).

Mas não são pedras comuns. São pedras famosas que foram adquiridas em todo o Japão. No local também encontramos uma casa de chá de estilo Ryotei e um restaurante japonês tradicional.

Para chegar até Kiyosumi Teien a partir da estação de Tóquio, basta pegar a linha de metrô Marunouchi e descer em Otemachi (apenas uma estação) e pegar o metrô da linha Hanzomon até a estação Kiyosumi-Shirakawa (o parque fica a uma curta distância a pé desta estação). A taxa para desfrutar este belo jardim japonês em Fukagawa é 150 ienes.


Link do vídeo (YouTube)

Kiyosumi Teien, Koto-ku, Tokyo, Japan [Mapa]
Homepage: www.tokyo-park.or.jp/park/format/index033.html

5. Koishikawa Botanical Garden (小石川植物園)

Koishikawa Botanical Gardens (hix05.com)

Koishikawa Botanical Garden (小石川植物園) pertence à Universidade de Tóquio, considerada a universidade mais prestigiada do Japão. Ele exibe e preserva alguns das milhares de espécies de árvores e plantas e inclui um belo jardim paisagístico japonês.

Este Jardim Botânico é também um dos lugares mais agradáveis ​​e interessantes de Tóquio para apreciar a flor de cerejeira, porque não é tão lotado quanto outros lugares. Para chegar até Koishikawa Botanical Garden, basta descer na estação de Myogadani (Marunouchi line). A taxa de admissão neste belo jardim botânico em Tóquio é 400 ienes.


Link do vídeo (Youtube)

Endereço: 3-7-1 Hakusan, Bunkyo-ku,Tokyo, 112-0001 Japan [Mapa]
Homepage: http://www.bg.s.u-tokyo.ac.jp/koishikawa/eng/

6. Koishikawa Korakuen (小石川後楽園)

Koishikawa Korakuen (blogs.yahoo.co.jp)

Koishikawa Korakuen (小石川後楽園) foi construído em 1629, no início do período Edo, sendo um dos jardins os mais antigos de Tokyo. Era residência de um ramo da família Tokugawa. Assim como seu homônimo em Okayama, o nome Korakuen foi inspirado em um poema que diz que um governante só deve sentir prazer após alcançar a felicidade do seu povo.

Como a maioria de jardins japoneses tradicionais, Koishikawa Korakuen tenta reproduzir paisagens famosas em miniatura, usando lagos, pedras, árvores e montes sintéticos para replicar o cenário japonês e chinês. Uma rede de trilhas para caminhadas leva ao redor de vários pontos de visualização não só do jardim como do Tokyo Dome e outros edifícios.

O local é bonito em todas as estações, especialmente durante a primavera (flores de cerejeira) e outono (folhas de bordo). Koishikawa Korakuen é acessível com uma caminhada de 10 minutos a partir da estação Iidabashi, Estação Suidobashi (Chuo Line) ou estação Korakuen (Marunouchi e Namboku Subway Lines). A taxa de admissão é 300 ienes.


Link do vídeo (Youtube)

Endereço: 1-6-6 Koraku, Bunkyo, Tokyo 112-0004, Japão [Mapa]
Homepage: teien.tokyo-park.or.jp/contents/index030.html

7. Kokyo Higashi Gyoen (皇居東御苑)

Kokyo Higashi Gyoen (malaysia.fun-japan.jp)

Kokyo Higashi Gyoen (皇居東御苑) é um parque adjacente ao Palácio Imperial. Ao lado do parque, há um jardim japonês, as ruínas do Castelo Edo e o Museu das Coleções Imperial. O castelo de Edo era a residência do shogun Tokugawa. O imperador Meiji também residiu ali por 20 anos, até se mudar para o recém construído Palácio Imperial, em 1888.

Para visitar o local, desça na estação Takebashi (Tozai line) ou estação Otemachi (Tozai line, Chiyoda line, Mita line ou Hanzomon line). Se preferir, faça uma caminhada de cerca de 10 a 15 minutos a partir da estação de Tóquio. A entrada no Kokyo Higashi Gyoen é gratuita, no entanto jardim está fechado ao público todas as segundas-feiras e sextas-feiras.


Link do vídeo (YouTube)

Kokyo Higashi Gyōen, 1-1 Chiyoda, Tokyo, Japan [Mapa]
Homepage: www.kunaicho.go.jp/eindex.html

8. Kyu Yasuda Garden (旧安田庭園)

Kyu Yasuda Garden (blogs.yahoo.co.jp)

Kyu Yasuda Garden (旧安田庭園) é um pequeno jardim japonês construído entre 1688 e 1703 conectado ao rio Sumida. Originalmente era o jardim de uma residência de um senhor feudal. Em 1889, tornou-se propriedade de Yasuda Zenjiro, fundador do grupo financeiro Yasuda. Foi doado para a cidade de Tokyo em 1922, sendo nomeado como Kyu-Yasuda Teien.

Neste local é possível desfrutar de diferentes cenários decorrente do movimento das marés. No entanto, a poluição do rio Sumida começou a afetar o jardim, o que fez com que atualmente seja usado uma bomba para criar o efeito de maré. Para chegar no Kyu Yasuda Garden, basta descer na estação Ryogoku (Sobu line ou Oedo line) e caminhar por 7 minutos.


Link do vídeo (Youtube)

Endereço: 1-12 Yokoami, Sumida-ku, Tokyo [Mapa]
Homepage: visit-sumida.jp/spot/6085

9. Kyu Shiba Rikyu Garden (旧芝離宮)

Kyu Shiba Rikyu Garden (gorimon.com)

Kyu Shiba Rikyu Garden (旧芝離宮), anteriormente chamado de Shiba Villa, é um oásis paradisíaco de onde você pode ver o contraste da natureza com os arranha-céus situados aos arredores. Localizado ao lado da estação Hamamatsucho, Kyu Shiba Rikyu é um belo jardim paisagístico com um lago e montes que simbolizam o oceano, lagos e montanhas.

Existem também vários trilhas circulares que permitem aos visitantes admirar o jardim de várias perspectivas. Assim como tantos outros jardins em Tóquio, Kyu Shiba Rikyu Garden serviu como área de lazer e repouso a vários senhores feudais e oficiais do governo durante o período Edo. Foi aberto à visitação pública em 1924. A taxa de entrada custa 150 ienes.

Kyu Shiba Rikyu Garden está localizado ao lado da Estação de Hamamatsucho, a cinco minutos ao sul da Estação de Tóquio (Yamanote Line). Também pode ser alcançado em uma curta caminhada a partir da Estação de Metrô Daimon (Oedo e Asakusa Subway Lines).


Link d vídeo (Youtube)

Endereço: 1-4-1 Kaigan, Minato, Tokyo, Japan [Mapa]
Homepage: teien.tokyo-park.or.jp/contents/index029.html

10. Kyu-Furukawa Garden (旧古河庭園)

Kyu-Furukawa Garden (murasaki659.blog.fc2.com)

Kyu Furukawa Gardens (旧古河庭園) é um parque situado ao norte de Tóquio construído em terrenos inclinados e com a presença de uma antiga residência de estilo ocidental que era originalmente a residência de Mutsu Munemitsu (1844-1897), um político de Wakayama. Depois da Segunda Guerra Mundial, a casa foi brevemente usada pela Embaixada Britânica.

A casa de estilo ocidental na encosta da colina foi projetada pelo famoso arquiteto inglês Josiah Conder em 1917. Já o jardim japonês, foi projetado por Ueji, um famoso designer de Kyoto, e concluído no mesmo ano. Outros destaques do local são o jardim de rosas que possui estilo ocidental, além de ouras variedades de flores como azaleias, peônias, íris, etc.

O jardim é acessível através de uma caminhada de 15 minutos ao norte da estação de Komagome (Yamanote line, Nanboku Subway Line). Outra opção é descer na estação Kami-Nakazato (Keihin-Tohoku line) e caminhar 7 minutos em direção ao sul. A entrada é 150 ienes.


Link do vídeo (Youtube)

Endereço: 1-27-39 Nishigahara, Kita-ku, Tokyo 114-0024 [Mapa]
Homepage: teien.tokyo-park.or.jp/en/kyu-furukawa

Quer Aprender Japonês?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *